<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=81693&amp;fmt=gif">

Growth marketing: o que é e como aplicá-lo em tempos de crise

Certamente você já ouviu falar sobre a tendência do growth marketing ou marketing de crescimento, certo? Se você não sabe muito bem o significado deste termo ou se a definição não está clara, explico com mais detalhes neste artigo.

O que é growth marketing?

O growth marketing é uma técnica diretamente relacionada ao marketing digital. Baseia-se principalmente em uma análise profunda do funil do consumidor e permite compreender, através de dados científicos, o comportamento dos consumidores.

Entre suas características estão:

  • Foco no cliente
  • Tomada de decisão em cada fase levando em conta o ciclo de vida do consumidor
  • Crescimento do marketing
  • Rápido lançamento no mercado
  • Introdução mais rápida no mercado. Experimentos pequenos em comparação com grandes iniciativas garantem estratégias de entrada no mercado mais rápidas
  • Melhor ROI. A abordagem integrada permite melhores oportunidades de planejamento e orçamento
  • Equipes de análise impulsionando a excelência operacional

É por isso que agora muitas empresas têm a necessidade de incorporar um growth marketer. É um perfil profissional que analisa e estuda novas formas de conquistar clientes e mantê-los ao longo do tempo. Depois que os dados são analisados, ele também se concentra em atrair, engajar e reter clientes, por meio de experiências com eles.

Para fazer isso, ele cria mensagens individualizadas e personalizadas de acordo com as necessidades dos clientes utilizando otimização dos mecanismos de pesquisa, marketing de conteúdo, email marketing e outras estratégias que ajudam a cumprir a tarefa. Assim, potencializa o crescimento da organização através de uma infinidade de canais, principalmente aqueles que mais interessam aos seus clientes.

Você gosta do que está lendo? Inscreva-se para receber os novos posts e notícias de marketing e vendas no seu e-mail

Diferenças entre growth marketing e marketing

Agora que você sabe o que é growth marketing, talvez consiga deduzir as diferenças entre essa técnica e o marketing convencional.

O marketing digital baseia sua estratégia em gerar clientes potenciais e alcançá-los através de canais, como as redes sociais. Aproveita ao máximo os recursos e canais online para promover, vender e compartilhar produtos ou serviços. Isso faz com que o negócio cresça, conquiste clientes e melhore o relacionamento com eles.

Esta imagem é um infográfico informativo sobre marketing digital

Fonte: InboundCycle

Por outro lado, o growth marketing procura analisar e estudar formas inovadoras de adquirir e manter os clientes, usando técnicas como otimização SEO, email marketing e uma série de outras ferramentas. Este tipo de marketing se concentra em alcançar metas de crescimento mais específicas.

Esta imagem é um infográfico informativo sobre growth marketing

Fonte: InboundCycle

Uma excelente utilização do marketing na empresa implica a incorporação de ambos. O marketing digital oferece uma melhor presença e posicionamento, enquanto o growth marketing permite avançar em cada área específica para alcançar um crescimento duradouro.

Nova call to action

O papel do growth marketing 

O growth marketing não é apenas uma técnica de marketing digital em alta, mas também evoluiu para uma função dentro do departamento de marketing. Ter um profissional de growth marketing na sua empresa tem se tornado cada vez mais popular, mas o que um profissional de growth marketing realmente faz?

O seu papel na construção de uma estratégia é o de pesquisas e análises prévias, para adaptar os formatos a serem usados para a captação de clientes de acordo com as suas necessidades. Além disso, uma vez colocada em operação a estratégia, ela será constantemente revisada e testada para detectar oportunidades de melhoria em cada ferramenta colocada em prática.

Um profissional de growth marketing desempenha um papel mais importante na fase inicial de uma estratégia de marketing, onde pesquisar e conhecer muito bem o público que se deseja é o caminho a seguir. Da mesma forma, o impacto que os growth marketers têm na fase inicial de uma empresa é também dado pela pouca intenção em fazer um forte investimento num canal específico.

Uma das qualidades essenciais desta figura é a sua capacidade analítica e uma boa habilidade na formulação de KPI. Além disso, também sabe quais são os melhores fatores para alcançar a viralidade nas mídias digitais.

Nova call to action

Principais características do growth marketing 

Para se tornar um profissional de growth marketing, você precisa:

Possuir capacidade de resposta e flexibilidade

O growth marketing não pressupõe que o mesmo tipo de publicidade vai funcionar para sempre. É responsivo, sempre tenta coisas novas com base nos resultados que obtém. Portanto, envolver-se no growth marketing muitas vezes significa responder rapidamente a novas oportunidades.

Ter uma abordagem de trabalho em equipe

O growth marketing deve ser realizado em todas as áreas da empresa. Cada equipe de trabalho tem algo a compartilhar que pode inspirar uma nova forma de chamar a atenção e atrair novos clientes. A função do profissional de growth marketing é analisar e combinar as informações fornecidas por todos e integrá-las com as que ele mesmo coletou.

Realizar testes A/B

Dessa forma, você pode comparar os resultados de ambas as opções para ver qual delas tem melhor desempenho. Por exemplo, você pode enviar duas versões do mesmo e-mail para uma parte da lista de destinatários e ver qual delas é melhor recebida.

Levar em consideração o feedback dos clientes

O growth marketing tenta ir além da informação quantitativa. Assim, ele se aproxima do cliente e obtém opiniões sobre os produtos e serviços que recebe da empresa. Uma ferramenta amplamente utilizada é a pesquisa de satisfação do cliente. Com os resultados você pode avaliar o que precisa ser enfatizado ou alterado.

O growth marketing está relacionado ao growth hacking?

O growth marketing e o growth hacking têm semelhanças, mas é preciso ter cuidado para não confundi-los. O objetivo que têm é o mesmo e o processo de trabalho é semelhante. Ambos tentam se adaptar a novos caminhos para captar a atenção dos clientes. No entanto, a forma como incorporam estas inovações é diferente.

Qual a diferença entre o growth marketing e o growth hacking?

Growth hacking e growth marketing não são exatamente a mesma coisa, e embora compartilhem o mesmo objetivo, buscam métodos diferentes. Porém, não se pode dizer que sejam dois conceitos completamente distintos, pelo contrário, eles complementam-se.

O growth hacking visa obter resultados e crescimento rápido, enquanto o growth marketing baseia-se numa investigação mais profunda e que necessita de um período de tempo relativamente mais longo para ser concluída, visando um crescimento sustentável.

Esta imagem é um infográfico informativo sobre as diferenças entre growth marketing e  growth hacking

Fonte: InboundCycle

Os principais aspectos que diferenciam os dois tipos de marketing são:

  • Tempo. O growth hacking é rápido, enquanto o growth marketing leva mais tempo. O growth hacking baseia-se na aplicação de ideias revolucionárias que dão resultados semi-instantâneos. Por outro lado, os profissionais do growth marketing gastam muito tempo rastreando dados.
  • A marca. Para os profissionais do growth marketing, a marca é tudo, enquanto os growth hackers não se importam com isso. Os profissionais do growth marketing investem muito tempo e esforço na criação de conteúdo e na análise de dados de longo prazo para ajudar a construir um nome forte, uma marca que todos conhecem.
  • Os dados. Para agir, o growth marketer precisa de uma base sólida de informações. Já o growth hacking, por ser mais rápido, não possui uma reserva de dados tão consistente.
  • As habilidades. São diferentes, mas todas igualmente necessárias. Elas coexistem e se complementam.
    • Os profissionais de growth marketing são pacientes, consistentes e altamente organizados. Estão sempre atualizados com as novidades do mercado e tudo o que a concorrência está fazendo. Além disso, possuem atitude de liderança com sua equipe de trabalho.
    • Os growth hackers são curiosos e criativos. Eles também tendem a ter habilidades técnicas com a Internet e todo o mundo online. Outra característica importante desse perfil é que ele foca em atingir o objetivo o mais rápido possível.

Nova call to action

Semelhanças entre o growth marketing e o growth hacking

Existem algumas semelhanças entre o growth hacking e o growth marketing. Apresento algumas para que você possa entender melhor o que os une:

  • Ambos os fluxos visam adquirir novos clientes e monetizá-los a longo prazo. Eles se concentram em atrair novos usuários, convertê-los em clientes, fidelizá-los e fazer com que gostem e compartilhem o produto o mais rápido possível.
  • Tanto o growth marketing quanto o growth hacking usam dados e experimentação para atingir os seus objetivos. A partir deles, tanto o growth hacking quanto o growth marketing tentam se adaptar às novas tecnologias, softwares, métodos, etc. Resumindo, qualquer coisa que possa captar a atenção dos clientes.

Como usar uma estratégia de growth marketing em tempos de crise?

Quando o cenário externo se torna incerto devido a uma crise, o marketing desempenha um papel muito importante dentro de uma empresa. Esta situação pode e geralmente se traduz em uma interrupção de algumas operações da empresa de forma temporária ou permanente, mas deve-se ressaltar que o marketing é algo que não pode ser dispensado.

O marketing é uma parte fundamental entre usuários e empresas, pois é a principal ferramenta que estabelece, cuida e faz com que o relacionamento do cliente com a marca seja duradouro. Em momentos de incerteza, você deve adaptar-se às mudanças do ambiente e dispor de ferramentas para que o vínculo com os consumidores seja mantido, proporcionando segurança e estabilidade. Por isso, você deve ajudar o cliente a enfrentar as adversidades e mostrar que ele pode continuar contando com a empresa.

Benefícios do growth marketing empresarial

Alguns dos benefícios do growth marketing empresarial são:

  • Construção de marca. O growth marketing consiste em expandir lenta e continuamente o alcance da sua marca, testando o que funciona, avaliando os dados e refinando a estratégia. Dessa forma, consegue construir uma marca com reconhecimento e com pessoas viciadas nela. Isso tem impacto no boca a boca e ajuda a se posicionar em relação aos concorrentes.
  • Melhora na comunicação. Você consegue entender o público. Presume-se que você esteja procurando pessoas que realmente estejam interessadas em seus produtos ou serviços. Táticas baseadas em dados e centradas nas pessoas podem ajudá-lo a fazer exatamente isso. Quanto mais você souber sobre o seu público-alvo, mais poderá informá-lo e oferecer-lhe um bom serviço.
  • Aperfeiçoamento  SEO. Com o tempo, os resultados produzem as palavras-chave necessárias que a empresa precisa para obter boas classificações nos mecanismos de pesquisa. Assim, fica mais fácil interligar o branded content e, à medida que isso acontece, ele aparece em uma posição superior nos rankings de busca. Tudo isso ajuda você a aparecer quando alguém pesquisar termos relacionados ao seu negócio.
  • Atração de novos clientes. Ao analisar os dados e conhecer o mercado e todas as suas novidades, é possível adaptar a estratégia de acordo com as tendências, o que ajuda a atrair novos clientes.

Gestão de crises com growth marketing 

A nível de comunicação, é bem possível que você tenha passado por algumas situações de crise de marketing nos projetos em que trabalhou, certo? É por isso que o growth marketing pode ser a solução numa situação complicada, para que o seu crescimento não estagne e você possa ter uma estratégia de marketing de sucesso.

Mas como exatamente o growth marketing pode alcançar crescimento em tempos de crise?

  1. Estabeleça os KPIs mais importantes. Pense em qual objetivo você escolheria para o seu negócio se pudesse escolher apenas um. Esse é o seu principal KPI.
  2. Defina os objetivos. Leve em conta que são específicos, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e medidos num prazo determinado.
  3. Pense em potenciais impulsionadores de crescimento. É aqui que a estratégia entra em jogo. Coloque-se no lugar dos consumidores e pense no que eles gostariam de receber da sua empresa.
  4. Faça experimentos. Execute as ações e verifique os resultados.
  5. Aprenda. Tanto os fracassos como os sucessos de cada fase de experimentação devem ser rastreados, arquivados e aplicados em estratégias futuras.

Growth marketing: exemplos de sucesso

Agora que você sabe tudo sobre growth marketing, certamente está se perguntando quais são os exemplos em que essa estratégia deu certo. 

Aqui estão três grandes empresas que usaram o growth marketing para atingir seus objetivos. 

HubSpot e suas ferramentas gratuitas

O marketing tradicional é onipresente e a HubSpot também pode ser. Quando o fundador da HubSpot quis incluir um recurso de avaliação no conjunto de ferramentas, ele procurou um fornecedor terceirizado enquanto trabalhava com os desenvolvedores para criar um pequeno programa. Assim, ele poderia ajudar a avaliar os sites. O software gratuito e responsivo teve tanto sucesso que milhões de pessoas o baixaram. Isso ajudou a aumentar a conscientização entre os gestores.

O fundador da empresa atribui à ferramenta seu sucesso inicial. Desde então a Hubspot vem se atualizando e lançando novos produtos para continuar atraindo clientes.

PayPal e o uso de referências para expandir seus negócios

No início, o PayPal viu como principal desafio encontrar novos clientes que quisessem utilizar sua plataforma. Primeiro eles tentaram com anúncios, mas, como você pode imaginar, foi excessivamente caro. Para uma startup com poucos recursos, este é um enorme desafio, mas eles precisavam de crescimento orgânico.

Mais tarde, usando um sistema de referência, pensaram que poderiam gastar menos do que com os anúncios pagos e, ao mesmo tempo, fidelizar os clientes que já tinham. Dessa forma, criaram a estratégia de bonificação. Cada novo cliente que se inscrever recebe um presente de US$10. E se você indicar um amigo, para cada amigo indicado você recebe $10 a mais. Foi assim que cumpriram a sua missão: crescer organicamente!

Uber e sua técnica de crescimento inteligente

Quando você pensa em empresas e em compartilhamento de viagens, um dos negócios que vem imediatamente à mente é a Uber.

A sua estratégia de crescimento envolve uma abordagem brilhante e sofisticada.

  1. Uber escolheu um novo local de mercado baseado em muitos elementos: eventos, clima, vida noturna e disponibilidade de táxi. Ao fazer isso, eles garantem que tenham um mercado para atender.
  2. Uber construiu uma marca multinacional fornecendo soluções para deficiências associadas aos serviços dos táxis locais, como os preços elevados, a segurança do transporte, a forma de pagamento e a necessidade de esperar muito tempo pela chegada.
  3. Seus dados mostram que os usuários que usaram o serviço uma vez provavelmente o fariam novamente, então eles começaram a oferecer dinheiro a novos usuários e a colocá-los em suas respectivas carteiras de aplicativos Uber. Assim como o PayPal, eles sabiam que o valor do cliente excederia esse valor no futuro.
  4. A empresa foi crescendo no boca a boca e no grande uso das relações públicas. Promoveram a facilidade de utilização e acessibilidade do seu produto, bem como aproveitaram a exposição e publicidade gratuitas.

Concluindo, o growth marketing oferece inúmeras vantagens para empresas que buscam crescimento a longo prazo. Com uma boa estratégia de growth marketing, com paciência e dedicação, resultados muito perceptíveis podem ser obtidos. Novos clientes vão aderir fielmente à sua marca e permanecerão longo tempo ao seu lado.

Se você deseja aproveitar o potencial que o growth marketing oferece, considere adotá-lo em sua estratégia e experimentar seus benefícios. Depois de ler todos os seus bons resultados neste artigo, você já percebeu que é uma opção a ser aproveitada ao máximo. Quando você começar a obter seus benefícios, não vai querer retirá-lo da sua empresa.

Nueva llamada a la acción

Publicado em 5 de outubro de 2023.

Revisado e validado por Jalusa Lopes, Country Manager da InboundCycle Brasil

FAQ sobre growth marketing

  • O que é Growth de marketing?

    O growth marketing é uma técnica diretamente relacionada ao marketing digital. Baseia-se principalmente em uma análise profunda do funil do consumidor e permite compreender, através de dados científicos, o comportamento dos consumidores.

  • O que um profissional de growth marketing faz?

    É um perfil profissional que analisa e estuda novas formas de conquistar clientes e retê-los ao longo do tempo. Depois que os dados são analisados, ele também se concentra em atrair, engajar e reter clientes, fazendo experiências com seus clientes.

    Para fazer isso, ele cria mensagens individualizadas e personalizadas de acordo com as necessidades dos clientes por meio da otimização dos mecanismos de pesquisa, marketing de conteúdo, email marketing e outras estratégias que ajudam a cumprir a tarefa. Assim, otimiza o crescimento da organização através de uma infinidade de canais, principalmente aqueles que mais interessam aos seus clientes.

Ver más

Outros posts que podem te interessar...

Marketing digital Favicon: o que é, como criar e características
Por Ana Claudia Ferreira en
Marketing digital Amazon Ads: o que é, como funciona e por que utilizar
Por Ana Claudia Ferreira en
Marketing digital Comunidade virtual: o que é e como criar uma comunidade engajada
Por Susana Meijomil en
Marketing digital 10 tendências de design gráfico para 2024
Por Jordi Cuenca en

O que você acha? Deixe um comentário!