<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=81693&amp;fmt=gif">

Texto argumentativo: o que é, como criar e exemplos

As palavras, a linguagem e a forma como comunicamos têm um poder incrível, tanto na vida real quanto na internet. Dominar as diferentes formas de apresentação de um texto é essencial no marketing, e é por isso que hoje vamos falar sobre os textos argumentativos. É uma técnica que você deve dominar ao fazer o seu conteúdo.

Quer convencer os seus leitores enquanto faz os motores de busca colocarem você em primeiro lugar? Então você deve saber o que é um texto argumentativo, quais são as suas principais características e como escrevê-lo passo a passo. Se você se interessou, continue lendo este artigo.

O que é um texto argumentativo?

Um texto argumentativo é aquele que apresenta os próprios argumentos para defender uma premissa inicial. Ou seja, nesse tipo de texto é apresentada uma tese ou opinião baseada em determinados fatos e/ou evidências. Quanto mais sólidas forem as evidências ou argumentos apresentados, maiores serão as chances do leitor ser convencido e ficar satisfeito.

Você gosta do que está lendo? Inscreva-se para receber os novos posts e notícias de marketing e vendas no seu e-mail

Para que serve o texto argumentativo?

A intenção de um texto argumentativo é apresentar informações de forma válida e consistente, algo que, sem dúvida, é cada vez mais importante em um mundo cheio de notícias falsas. A ideia é que o leitor concorde ao terminar de ler o texto ou, pelo menos, tenha mudado sua opinião original.

Se transferir isso para o mundo da internet e dos buscadores como o Google, você pode perceber a importância de dominar a escrita de textos argumentativos. Falo sobre cumprir com a famosa intenção de busca: oferecer algo de valor ao usuário e, em última análise, convencê-lo a ficar e ler o seu texto até o final.

Os textos argumentativos ajudam tanto a estruturar os seus artigos adequadamente quanto a satisfazer as necessidades do usuário.

Características do texto argumentativo

O texto argumentativo caracteriza-se principalmente por ser informativo, embora também possa ter outras intenções, como as de venda. Para tentar convencer o leitor, apresente os argumentos de forma bem ordenada e mostre fatos objetivos que não podem ser facilmente refutados.

Normalmente utiliza-se a primeira pessoa do singular, pois tem mais poder na hora de apresentar uma tese ou parecer. Como verá adiante, os argumentos são expressos de forma ordenada em uma estrutura clássica de introdução, desenvolvimento e conclusão. É importante seguir essa estrutura, pois ela oferece a ordem necessária para convencer o leitor.

O texto argumentativo também deve ser imparcial, ou seja, você deve evitar expressar a sua opinião de forma clara e inequívoca. Se quer convencer um leitor, utilize argumentos objetivos e não opiniões subjetivas. Caso contrário, você corre o risco de perder sua credibilidade.

Além disso, este tipo de texto deve apelar às emoções do leitor, porque seu objetivo final é persuadi-lo. Para isso, diversos recursos linguísticos são utilizados como: prolepse (antecipação de objeções), comparações ou analogias, lógica, senso comum, etc. Você também pode usar ilustrações ou imagens, dados estatísticos, estudos ou relatórios.

Da mesma forma, a autoridade do editor ou o meio que respalda o texto também é importante. Não é a mesma coisa quando você vê um artigo de economia assinado por um renomado economista com longa experiência do que por uma pessoa pouco conhecida. A autoridade também pode recair sobre uma marca ou uma instituição (por exemplo, o PROCON). Quanto menor a autoridade, menos argumentos são necessários e vice-versa.

Tipos de textos argumentativos

Embora sejam textos escritos, também podem ser textos argumentativos orais. Nesse caso, quem apresenta os argumentos é quem mantém contato visual com o público e usa linguagem corporal adequada.

Quanto aos escritos, dependendo do assunto ou de sua função, podemos encontrar diferentes tipos de textos argumentativos.

1. Texto de jornal

O objetivo deste texto é informar o leitor e também persuadi-lo. Embora a principal função do jornalismo seja apresentar os fatos, a verdade é que estes devem sempre estar fundamentados em uma série de provas e/ou testes.

2. Ensaio

É um texto que visa apresentar ideias e opiniões sobre um tema específico. No entanto, ao contrário de uma carta de opinião, o ensaio deve apresentar argumentos a favor e contra o assunto em questão.

3. Carta de opinião

Neste caso, o que se pretende é apresentar a opinião do autor sobre um tema específico. É um texto escrito onde são apresentados os argumentos para defender uma ideia, mas sem a necessidade de refutar as objeções do adversário.

4. Artigo

Um artigo é um documento no qual são apresentados os resultados de um trabalho realizado. O objetivo deste documento é informar o leitor sobre o trabalho realizado, bem como convencê-lo da qualidade dos métodos e/ou conclusões.

5. Propaganda

É um texto cujo único objetivo é convencer o leitor de algo. É um texto tendencioso, onde são apresentados apenas os argumentos a favor do que se vai vender ou transmitir, sem apresentar objeções ou contra-argumentos.
Nueva llamada a la acción

6. Publicidade

Apesar de ser um texto muito parecido com a propaganda, neste caso o que queremos é vender um produto ou serviço. Em outras palavras, o objetivo dos textos publicitários é principalmente convencer o leitor de por que ele deve comprar o seu produto ou quais vantagens ele oferece em relação à concorrência.

7. Pesquisa

É um texto escrito que apresenta as conclusões a que se chegou um estudo ou pesquisa sobre um tema específico. Caracteriza-se por ser um texto bastante técnico e complexo, onde são apresentados todos os dados e evidências obtidas.

8. Legal

Trata-se de uma interpretação específica das leis jurídicas, que visa defender uma causa ou fato específico. É muito usado no mundo jurídico.

Partes do texto argumentativo

Como disse antes, os textos argumentativos são divididos principalmente em três partes: introdução, desenvolvimento e conclusão. Seguir essa ordem oferece um sentido ao leitor, pois é uma ordem fácil de seguir e entender; caso contrário, o leitor pode se perder e parar de ler o texto. Dê uma olhada no que cada parte consiste:

Infográfico 1 - Texto argumentativo

Introdução

A introdução de um texto argumentativo é onde o tema ou problema a ser discutido é apresentado. É um texto curto, no qual o leitor é apresentado ao assunto e são expostas as principais ideias do argumento. Se você quiser que o leitor continue lendo, preste muita atenção à introdução.

Para isso utilize alguns ganchos ou perguntas que despertem a curiosidade do leitor. Apresente alguns dados ou estatísticas interessantes que o convidem a continuar lendo. Outro recurso bastante utilizado durante a introdução de textos argumentativos são as citações de personalidades com grande autoridade.

Desenvolvimento

O desenvolvimento de um texto argumentativo é onde todos os argumentos são apresentados e desenvolvidos e serve para defender a tese ou ideia principal. Ou seja, é no desenvolvimento onde se realiza o trabalho mais importante de um texto argumentativo.

Nesta seção, você pode usar diferentes estratégias para convencer o leitor. Entre elas estão os argumentos lógicos e dedutivos, que consistem em fazer inferências a partir de uma série de premissas.

Você também pode usar argumentos de autoridade, onde são citadas personalidades de renome na área. Um dos recursos mais utilizados pelos editores são as estatísticas e dados. E inclua também argumentos emocionais, ou seja, aqueles que alcançam o leitor em um nível emocional

Conclusão

A conclusão é a última seção de um texto argumentativo, e é um resumo curto e conciso das ideias principais expostas no desenvolvimento. Você pode utilizar todos os argumentos apresentados para fazer o leitor ver que a proposta inicial é correta e consistente, fechando assim o texto e reforçando mais uma vez o seu ponto de vista.

Além disso, aproveite a conclusão para se despedir ou convidar o leitor a ler outros textos, assinar uma newsletter, comprar um produto, etc. Isso é o que em termos de marketing é conhecido como CTA ou Call To Action. Fazer um bom call to action é essencial na internet, pois graças a ele você pode aumentar o número de conversões e, assim, obter melhores resultados.
Nova call to action

Como criar um texto argumentativo em 5 passos

Agora que você já sabe o que é um texto argumentativo, suas principais características, sua estrutura e alguns dos recursos que pode utilizar, é hora de colocar suas mãos à obra. Embora possa parecer complexo, a maioria de nós está acostumada a escrever esse tipo de texto, pois é algo que provavelmente você aprendeu na escola, principalmente em exames ou projetos. De qualquer forma, aqui estão algumas dicas de como criar um texto argumentativo em 5 passos.

Infográfico 2 - Texto argumentativo

1. Qual tópico você deseja abordar?

É quase a coisa mais importante do texto: ser claro sobre o assunto que você quer falar ou defender. É fundamental ter clareza sobre a sua premissa, pois todo o seu texto argumentativo girará em torno dela. 

2. Pesquise

A menos que você seja um verdadeiro especialista no tema escolhido, faça uma investigação profunda sobre ele. Você já sabe, na internet você encontra à sua disposição toda a informação que necessita, embora também possa consultar livros ou mesmo perguntar a um especialista.

3. Esboço

Antes de começar a escrever, recomendo fazer um esboço. Isso torna mais fácil para você escrever e o ajuda a escolher as ideias mais importantes e descartar as desnecessárias. A esta altura você já deve ter claro os argumentos que vai usar para convencer o leitor.

4. Redação

É hora de começar a escrever seu texto argumentativo. Você deve desenvolver as ideias propostas no esboço seguindo a estrutura de introdução, desenvolvimento e conclusão. Tente escrever o seu melhor, mas  não fique preso aos detalhes. Lembre-se de usar alguns dos recursos mencionados.

5. Correção

Assim que tiver o seu texto pronto, deixe-o “descansar” pelo menos por 24 horas e faça sua correção. Você terá que corrigir erros ortográficos ou de sintaxe, e também deve verificar se o texto mantém um discurso lógico e cumpre a sua missão inicial.

Exemplos de texto argumentativo

Para você ter uma ideia de como deve ser um texto argumentativo, aqui estão alguns exemplos. Porém, lembre-se que cada pessoa ou marca tem seu próprio estilo e que não existe uma receita única. Os exemplos são artigos do nosso blog que você pode usar como inspiração.

Espero que este artigo sobre textos argumentativos tenha sido útil para você. Agora é a sua vez, mãos à obra! Comece a escrever seus próprios textos argumentativos. Se precisar de ajuda ou tiver alguma dúvida, não hesite em perguntar através dos comentários.

Nova call to action

Publicado em 12 de setembro de 2023.

Revisado e validado por Jalusa Lopes, Country Manager da InboundCycle Brasil.

FAQ sobre texto argumentativo

  • O que é um texto argumentativo exemplo?

    Um texto argumentativo é aquele que apresenta os próprios argumentos para defender uma premissa inicial. Ou seja, nesse tipo de texto é apresentada uma tese ou opinião baseada em determinados fatos e/ou evidências. Veja um exemplo:

  • Quais são as principais características de um texto argumentativo?

    O texto argumentativo caracteriza-se principalmente por ser informativo, embora também possa ter outras intenções, como as de venda. Para tentar convencer o leitor, apresente os argumentos de forma bem ordenada e mostre fatos objetivos que não podem ser facilmente refutados. Além disso:

    • Utilize a primeira pessoa do singular, pois tem mais poder na hora de apresentar uma tese ou parecer.
    • Seja imparcial.
    • Apele para as emoções do leitor, porque seu objetivo final é persuadi-lo.
    • A  autoridade do editor ou o meio que respalda o texto também é importante. 
  • Como se faz um texto argumentativo?

    Os textos argumentativos são divididos principalmente em três partes: introdução, desenvolvimento e conclusão. Seguir essa ordem oferece um sentido ao leitor, pois é uma ordem fácil de seguir e entender; caso contrário, o leitor pode se perder e parar de ler o texto.

  • Quais são os tipos de textos argumentativos?

    1. Texto de jornal. O objetivo deste texto é informar o leitor e também persuadi-lo.
    2. Ensaio. É um texto que visa apresentar ideias e opiniões sobre um tema específico.
    3. Carta de opinião. Neste caso, o que se pretende é apresentar a opinião do autor sobre um tema específico.
    4. Artigo. Um artigo é um documento no qual são apresentados os resultados de um trabalho realizado.
    5. Propaganda. É um texto cujo único objetivo é convencer o leitor de algo.
    6. Publicidade. O objetivo dos textos publicitários é principalmente convencer o leitor de por que ele deve comprar o seu produto ou quais vantagens ele oferece em relação à concorrência.
    7. Pesquisa. É um texto escrito que apresenta as conclusões a que se chegou um estudo ou pesquisa sobre um tema específico.
    8. Legal. Trata-se de uma interpretação específica das leis jurídicas, que visa defender uma causa ou fato específico. 

Outros artigos que podem te interessar...

Instagram Shopping: o que é, como funciona e 5 dicas para vender mais
KPI de vendas: aumente suas oportunidades de negócios
O que é sales enablement e como usá-lo para acelerar suas vendas

O que você acha? Deixe um comentário!