<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=81693&amp;fmt=gif">

O que é realidade aumentada, como funciona e exemplos

Atualmente as empresas buscam novas alternativas tecnológicas para interagir com o público e atrair sua atenção. A realidade aumentada é uma delas, pois se tornou um recurso fundamental e de fácil implementação no ambiente empresarial.

Mas você realmente sabe o que é realidade aumentada? Neste artigo eu conto tudo o que você precisa saber sobre o que é, como funciona, alguns exemplos na área de negócios e os benefícios que sua implementação traz no marketing digital.

O que é realidade aumentada?

Antes de saber como esta tecnologia deve ser implementada ou quais são os benefícios e vantagens de introduzi-la no seu negócio, é fundamental entender o que é e quais diferenças entre realidade aumentada (RA) e realidade virtual (RV).

Definição de realidade aumentada e sua relação com o ambiente real e virtual

A realidade aumentada (RA) é definida como um conjunto de tecnologias que permitem a integração de gráficos no ambiente real e fazem isso através de um dispositivo que agrega virtualmente esses elementos, combinando os dois mundos. Assim, a realidade aumentada (RA) nos permite observar o que vemos no ambiente físico juntamente ao que esta tecnologia nos quer mostrar.

Portanto, a RA permite a interação entre contexto virtual e físico, oferecendo um espaço onde podem conviver com a ajuda de um dispositivo como um smartphone, por exemplo. Como resultado, a realidade aumentada permite que objetos virtuais sejam inseridos em um ambiente real, mostrando-os ao usuário e revolucionando a forma como podemos lidar com tarefas/trabalho.

Um bom exemplo para compreender bem este tipo de recurso é o fato de você poder ver, através da câmera do seu celular, sua própria cozinha e poder inserir virtualmente diferentes móveis para saber como ficaria uma determinada mesa ou tipo de bancada naquele cômodo da casa.

Você gosta do que está lendo? Inscreva-se para receber os novos posts e notícias de marketing e vendas no seu e-mail

Diferenças entre realidade aumentada e realidade virtual

Embora a priori se pense que esses dois conceitos sejam praticamente iguais pela semelhança de seus nomes, a verdade é que existem diferenças entre a realidade aumentada (RA) e a realidade virtual (RV) em termos de características e objetivos.

A realidade aumentada combina componentes virtuais com reais, projetando informações no mundo real e permitindo uma nova forma de compreender e ver o ambiente físico. Um exemplo disso é o Pokémon GO, onde personagens virtuais são capturados em um ambiente real, tornando o usuário parte do ambiente.

Enquanto a realidade virtual cria um ambiente completamente novo, independente do ambiente real, substituindo-o por um conteúdo 100% virtual em que o usuário se beneficia de imersão total. Esse tipo de tecnologia permite fazer parte de cenários totalmente digitais nos quais você pode interagir, se movimentar e realizar determinadas ações.

Além disso, a realidade mista combina RA e RV para permitir ao usuário interagir com objetos reais em um ambiente virtual. Recomenda-se a utilização de headsets com câmera para uma experiência completa de realidade combinada com contextos virtuais.

Como funciona a realidade aumentada?

A realidade aumentada (RA) é uma tecnologia muito recente e, por isso, nem todos sabem como ela realmente funciona. Portanto, antes de conhecer exemplos claros de como aplicar essa tecnologia em diferentes setores, é importante entender quais são seus componentes essenciais e que tipo de tecnologias estão envolvidas.

Componentes essenciais da realidade aumentada

O principal objetivo da realidade aumentada (RA) é a ligação entre o ambiente real/físico e o contexto virtual, então que para que funcione corretamente, existem 3 componentes essenciais que devem estar disponíveis:

  1. Um objeto real que sirva de referência para a interpretação e criação do objeto virtual.
  2. Um dispositivo tecnológico com câmera, como um tablet ou celular, para transmitir a imagem do objeto real.
  3. Um programa capaz de interpretar o sinal transmitido pela câmera.

Com esses componentes, o usuário pode desfrutar da realidade virtual. Com a câmera, o objeto real necessário para criar o virtual pode ser transmitido ao software, que recebe a referida imagem e a combina com projeções 3D para obter o resultado virtual. Feito isso, essas projeções são introduzidas na imagem e sobrepostas ao contexto físico para refletir o resultado final da RA.

Nova call to action

Tipos de tecnologia envolvidas

Diferentes tecnologias estão envolvidas na realidade aumentada, características desse tipo de recurso. Os principais que devemos saber são:

  • A sobreposição de imagens. Essa é uma tecnologia central, pois é a base sobre a qual a RA é construída. Graças ao software usado para identificar e interpretar estes elementos do mundo real, consegue, seguindo uma série de passos anteriores, sobrepor componentes virtuais à imagem obtida pela câmera do dispositivo utilizado e renderizá-los em 3D para garantir que esses objetos virtuais apareçam com a perspectiva e posição corretas em relação à realidade. Dessa forma, o virtual se integra ao real e torna a experiência de RA muito realista e envolvente.
  • Detecção de profundidade. Apesar da boa integração dos elementos do mundo físico e virtual, a detecção de profundidade é essencial para que a experiência seja o mais imersiva e real possível. Portanto, a inclusão de uma API de profundidade capaz de detectar este fator, e determinar quais objetos físicos estão mais próximos e quais estão mais distantes do componente virtual, permitirá uma melhoria nesta RA.
  • Interação 3D. Dado que a combinação entre o ambiente real e o virtual é a base em que se baseia essa tecnologia, a possibilidade de interagir em tempo real com elementos 3D físicos e virtuais é essencial.

Essas são apenas algumas das tecnologias envolvidas na realidade aumentada. Contudo, existem outras que tornam essa experiência muito mais realista, envolvente e interessante.

Exemplos de aplicação de realidade aumentada em diversos setores

Para entender melhor o que é realidade aumentada (RA), é importante conhecer alguns exemplos de como aplicar esse tipo de tecnologia em setores bastante distintos.

1. Realidade aumentada no varejo

O setor varejista é um dos mais interessantes para aplicar esse tipo de tecnologia, pois ela é muito útil quando se trata de melhorar a experiência do cliente e ajudá-lo a visualizar os produtos que está pensando em comprar.

Nesse sentido, a realidade aumentada oferece muitas possibilidades no setor varejista. Os usuários estão cada vez mais cansados ​​de testar fisicamente produtos na loja e a realidade aumentada permite que eles vejam como ficariam os móveis em sua casa sem precisar ir à loja. Isso melhora a experiência de compra ao recriá-la na loja física sem ter que ir até lá.

Além disso, a RA é uma vantagem competitiva para as empresas, melhorando a experiência de compra nas lojas físicas. Os clientes já chegam convencidos sobre quais produtos adquirir, garantindo uma compra rápida e segura ao poder descobrir se o que procuram atende às suas necessidades e planos. A RA ajuda a fidelizar o cliente, fortalecer relacionamentos, diminuir tempos de compra, reduzir devoluções e aumentar compras de itens maiores.

Nova call to action

2. Realidade aumentada na educação

A implementação da realidade aumentada na educação é uma excelente opção para potenciar a capacidade de aprendizagem e inovação dos alunos.

Graças a esse tipo de tecnologia, os alunos têm a oportunidade de explorar, de forma interativa e visual, o ambiente em que estão, com inúmeras informações adicionais, incluindo dados complementares, vídeos, áudios, objetos 3D, isso é, uma variedade de componentes virtuais que enriquecem a aprendizagem dos alunos.

Dessa forma, os alunos podem desenvolver competências de investigação e reflexão, usufruindo de simulações e experiências práticas em diferentes disciplinas. É uma experiência estimulante e incentiva o desenvolvimento de habilidades de inovação e criatividade.

3. Realidade aumentada no turismo

A realidade aumentada também tem dado muito que falar no mundo do turismo, dando às pessoas a oportunidade de poder visitar qualquer cidade, ponto de interesse e até museus, sem precisar visitá-los fisicamente. Isso representa um grande avanço, e a abertura de novas oportunidades de descoberta para quem não pode visitar esses locais ou prefere desfrutar dessa experiência numa perspectiva diferente.

A inclusão desse recurso no setor permitiu a criação de guias turísticos virtuais, com os quais o usuário pode visitar a cidade de qualquer lugar, até mesmo do sofá de casa. Também permite visitar qualquer ponto de interesse, como museus, e visitar sua galeria virtual com elevada e melhor qualidade.

Essas experiências imersivas e divertidas para os viajantes são uma oportunidade incrível para o seu negócio de turismo desfrutar de uma vantagem competitiva frente aos outros.

4. Realidade aumentada no entretenimento

O sucesso do setor de entretenimento atual tem a realidade aumentada (RA) como peça-chave já que, com os avanços da tecnologia, os fãs de videogames querem chegar o mais próximo possível da realidade e poder se sentir dentro do jogo. É por isso que a demanda desses players é muito alta.

Além de permitir que esses usuários se sintam parte da história dos videogames, a RA os enriquece a ponto de sentirem que a simulação é uma versão real da trama que acompanha a história do jogo. As experiências são muito mais realistas e envolventes, e permitem que aproveitem o videogame de outra perspectiva mais interessante.

Quanto às experiências de RA em eventos e shows, isso também acrescenta algo a mais à área do entretenimento — uma vantagem muito competitiva e a possibilidade de oferecer uma recreação mais intensa. Esses shows de realidade virtual, além de já serem uma realidade, são muito populares entre os usuários, pois não há programa melhor do que poder curtir sua banda favorita ao vivo e de qualquer lugar

Benefícios da realidade aumentada no marketing digital

Conhecer os benefícios que a realidade aumentada (RA) aplicada ao seu negócio pode trazer é fundamental para tomar a decisão final e começar a utilizá-la. A seguir, as vantagens mais importantes quando se fala em RA.

Melhora da experiência do cliente com interação e personalização

Incluir realidade aumentada (RA) no seu negócio é uma ação de marketing muito poderosa, pois permite atrair seus clientes potenciais e objetivos sem ter que fazer isso na loja física. Eles podem vivenciar virtualmente o seu produto, como ele funciona, ver de perto como se adaptaria às suas necessidades e ampliar seu conhecimento sobre ele graças a essa tecnologia e às informações extras que ela oferece em diversos formatos a fim proporcionar ao usuário uma experiência completa.

Nova call to action

Aumento da participação dos usuários e comprometimento com a marca

Ter a possibilidade de interagir e participar conscientemente de uma marca é essencial para que os clientes se comprometam com ela no longo prazo. A RA consegue isso facilitando as qualidades do atendimento ao cliente, onde tutoriais e avaliações sobre o produto são disponibilizados aos usuários. Além disso, graças à personalização da experiência, os usuários têm acesso a produtos relacionados aos seus gostos e necessidades, criando uma ligação imediata e mais forte que ajuda a manter sua fidelidade e compromisso de forma eficaz.

Aumento de conversões e vendas

Graças a todas estas vantagens, os usuários podem criar testes de produtos num mundo simulado, o que permite a eles testar e experimentar o produto em primeira mão de forma imersiva e a partir de qualquer lugar. Isso fornece comodidade aos clientes, porque eles podem analisar e aproveitar a experiência em seus próprios termos, o que os torna mais fiéis e comprometidos com a marca. Como resultado, há um aumento nas conversões e vendas graças à visualização de produtos em ambientes visuais.

Essas vendas também são muito mais seguras, pois vão reduzir o número de devoluções, já que os clientes dedicaram o tempo necessário para tomar uma decisão firme e confiante em relação ao produto.

Geração e análise de dados para melhorar estratégias de marketing

Além de oferecer todos os benefícios anteriores, a realidade aumentada também permite, por suas capacidades analíticas, que as marcas acompanhem como seus clientes se comportam e façam análises para avaliar o sucesso de suas campanhas com mais precisão. Ainda, com esses dados qualquer marca consegue aproveitar todas as informações coletadas para desenvolver produtos ou serviços futuros mais alinhados com as necessidades do seu público-alvo.

Agora você sabe, com muito mais detalhes, do que se trata a realidade aumentada (RA), aquela tecnologia popular que experimentou um boom incrível nos últimos anos. Também foi visto como essa tecnologia funciona, investigando exemplos de suas aplicações em diversos setores e os benefícios que elas provocam no marketing digital, área em que esse recurso é uma ferramenta muito poderosa. Espero que os exemplos aplicados tenham ajudado você a compreender a realidade aumentada em um campo mais prático. 

Quais outras aplicações você acha que podem ocorrer com RA? Em quais setores você acha que sua implementação seria muito útil? Conte nos comentários!

Nova call to action

Publicado em 11 de dezembro de 2023.

Revisado e validado por Jalusa Lopes, Country Manager da InboundCycle Brasil

FAQ sobre realidade aumentada

  • O que significa a realidade aumentada?

    A realidade aumentada (RA) é definida como um conjunto de tecnologias que permitem a integração de gráficos no ambiente real e fazem isso através de um dispositivo que agrega virtualmente esses elementos, combinando os dois mundos. Assim, a realidade aumentada (RA) nos permite observar o que vemos no ambiente físico juntamente ao que esta tecnologia nos quer mostrar.

  • O que é realidade aumentada e virtual?

    Embora a priori se pense que esses dois conceitos sejam praticamente iguais pela semelhança de seus nomes, a verdade é que existem diferenças entre a realidade aumentada (RA) e a realidade virtual (RV) em termos de características e objetivos.

    A realidade aumentada combina componentes virtuais com reais, projetando informações no mundo real e permitindo uma nova forma de compreender e ver o ambiente físico. Um exemplo disso é o Pokémon GO, onde personagens virtuais são capturados em um ambiente real, tornando o usuário parte do ambiente.

    Enquanto a realidade virtual cria um ambiente completamente novo, independente do ambiente real, substituindo-o por um conteúdo 100% virtual em que o usuário se beneficia de imersão total. Esse tipo de tecnologia permite fazer parte de cenários totalmente digitais nos quais você pode interagir, se movimentar e realizar determinadas ações.

    Além disso, a realidade mista combina RA e RV para permitir ao usuário interagir com objetos reais em um ambiente virtual. Recomenda-se a utilização de headsets com câmera para uma experiência completa de realidade combinada com contextos virtuais.

  • Como utilizar a realidade aumentada em sala de aula?

    A implementação da realidade aumentada na educação é uma excelente opção para potenciar a capacidade de aprendizagem e inovação dos alunos.

    Graças a esse tipo de tecnologia, os alunos têm a oportunidade de explorar, de forma interativa e visual, o ambiente em que estão, com inúmeras informações adicionais, incluindo dados complementares, vídeos, áudios, objetos 3D, isso é, uma variedade de componentes virtuais que enriquecem a aprendizagem dos alunos.

    Dessa forma, os alunos podem desenvolver competências de investigação e reflexão, usufruindo de simulações e experiências práticas em diferentes disciplinas. É uma experiência estimulante e incentiva o desenvolvimento de habilidades de inovação e criatividade.

  • Como aplicar a realidade aumentada? Exemplos

    Alguns exemplos de como aplicar esse tipo de tecnologia em setores bastante distintos.

    • Realidade aumentada no varejo
    • Realidade aumentada na educação
    • Realidade aumentada no turismo
    • Realidade aumentada no entretenimento
  • Quais são os benefícios da realidade aumentada para as empresas?

    Conhecer os benefícios que a realidade aumentada (RA) aplicada ao seu negócio pode trazer é fundamental para tomar a decisão final e começar a utilizá-la. A seguir, as vantagens mais importantes quando se fala em RA.

    • Melhora da experiência do cliente com interação e personalização
    • Aumento da participação dos usuários e comprometimento com a marca
    • Aumento de conversões e vendas
    • Geração e análise de dados para melhorar estratégias de marketing
Ver más

Outros posts que podem te interessar...

Marketing digital Favicon: o que é, como criar e características
Por Ana Claudia Ferreira en
Marketing digital Amazon Ads: o que é, como funciona e por que utilizar
Por Ana Claudia Ferreira en
Marketing digital Comunidade virtual: o que é e como criar uma comunidade engajada
Por Susana Meijomil en
Marketing digital 10 tendências de design gráfico para 2024
Por Jordi Cuenca en

O que você acha? Deixe um comentário!