<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=81693&amp;fmt=gif">

Endomarketing: descubra o que é e como pode beneficiar sua empresa

CTA- post-vertical-Desktop-Tiny

Você sabia que colaboradores motivados podem ser até 86% mais criativos e 43% mais produtivos? Você já ouviu falar que eles podem ter 125% menos estresse?

Uma boa estratégia de endomarketing ajuda você a alcançar esses resultados. Veja como colocar em prática em sua empresa!

O que é endomarketing?

É provável que existam pessoas que fazem endomarketing em suas empresas mesmo sem nunca ter ouvido o termo antes, já que esse tipo de estratégia se refere a fazer “marketing interno”. Endomarketing consiste em motivar e conscientizar os funcionários para que eles sejam comprometidos, produtivos, motivados e acreditem firmemente no produto/serviço oferecido pela empresa.

Se os funcionários de uma organização estiverem motivados e satisfeitos, o seu trabalho irá melhorar exponencialmente. Isso leva, por sua vez, a clientes mais satisfeitos.

Antes de propor uma estratégia de endomarketing, é preciso ver os funcionários como clientes internos.

Benefícios do endomarketing

1. Aumento da produtividade

Se os seus funcionários estiverem alinhados com os valores e propósitos da empresa, eles trabalharão muito mais motivados e aumentarão a rentabilidade do negócio.

Segundo uma pesquisa do Felicidadeneltrabajo.com, quando os trabalhadores estão felizes no trabalho, eles têm até 33% mais energia e se adaptam melhor às mudanças. Em empresas assim, nota-se que há até 66% menos licenças médicas e que, além disso, a produtividade dos funcionários aumenta em até 43%.

A seguir, você pode conferir mais estatísticas que comprovam a importância de investir em endomarketing para aumentar a felicidade e a motivação de seus funcionários e colaboradores.

  • Funcionários até 43% mais produtivos
  • Uma empresa feliz retém até 44% mais lealdade de seus funcionários
  • Aumento das vendas em até 37%
  • Aumento das classificações dos clientes em 10%
  • Pessoas felizes são até 86% mais criativas
  • Até 55% menos rotatividade de funcionários
  • Empresas felizes têm até 41% menos absenteísmo
  • Um funcionário feliz tem 125% menos estresse
  • Até 40% menos produtos defeituosos
  • Empresas com cultura de felicidade têm até 66% menos atestados médicos

2. Fidelização dos funcionários e diminuição da rotatividade

A rotatividade em uma empresa causa desajustes e necessidade de adaptação, o que pode atrapalhar seu crescimento. Ao fornecer um espaço de trabalho agradável, o funcionário sente que pode se desenvolver como profissional, sendo considerado parte importante da equipe. Essa visão o leva a compartilhar os objetivos da empresa e isso o estimula a continuar contribuindo para crescer com ela, o que reduz a rotatividade de cargos.

Como vimos nos dados acima, uma empresa onde os funcionários estão motivados pode sofrer até 55% menos rotatividade.

3. Atrair talentos qualificados

Não é segredo: as empresas que investem em seus talentos conseguem atrair os perfis mais qualificados. Se a empresa se esforça para criar um espaço e uma equipe que promovam o desenvolvimento dos funcionários, a sua atratividade no mercado de trabalho irá aumentar.

4. Feedback e promoção de novas ideias

Quando os funcionários sentem que estão em uma empresa onde seu trabalho é valorizado, eles ficam muito mais dispostos a se envolver e a compartilhar seu ponto de vista sobre as coisas. Graças a essas práticas, a empresa pode se beneficiar de novas ideias e contribuições que levam à inovação.

5. Melhorar a comunicação interna

Em uma organização onde se pratica o endomarketing, a comunicação interna flui com muito mais naturalidade. Os funcionários se sentem mais à vontade e não hesitam em compartilhar suas opiniões com o restante da equipe.

6. Qualidade do trabalho e obtenção de resultados

A motivação das pessoas influencia positivamente o seu desempenho. Assim, quanto mais os funcionários se sentirem parte dos objetivos da empresa, mais eles trabalharão para alcançá-los.

Nueva llamada a la acción

Implementação de uma estratégia de endomarketing

A implementação bem-sucedida de uma estratégia de endomarketing começa com a análise da comunicação, dos relacionamentos, dos espaços de trabalho e da autonomia da equipe, entre outros aspectos. Depois de definir um objetivo, é necessário tirar conclusões a partir da informação coletada e avançar para a definição de um novo sistema que promova a motivação, integração, formação e sentimento de equipe.

Se você deseja implementar uma estratégia de endomarketing em sua organização, recomendo que siga os passos a seguir.

Analise o ambiente interno

  1. Observe tudo o que acontece na sua empresa: preste atenção em como a comunicação entre os funcionários é gerada e se essa comunicação flui verticalmente (se os funcionários têm a possibilidade de se comunicar facilmente com seus diretores e se eles recebem e dão feedback).
  2. Realize sessões de team building: essa é a oportunidade dos colaboradores interagirem uns com os outros, além do cotidiano da empresa. Aproveite para observar se há uma equipe coesa e se os esforços de sua equipe caminham em uma mesma direção.
  3. Agende reuniões de equipe: aproveite as reuniões de equipe para ver como os funcionários interagem entre si e se eles contribuem com diferentes pontos de vista, feedbacks e novas ideias. Preste atenção especial aos detalhes que permitem saber se eles se sentem comprometidos com os objetivos da empresa, se se envolvem ou se participam da reunião de forma mais passiva.
  4. Pesquisas anônimas: é importante monitorar o humor de seus funcionários, pois assim fica mais fácil saber como eles se sentem. Para os funcionários se abrirem, muitas vezes, é mais fácil que seja de maneira anônima, sem medo das consequências que suas palavras possam ter. De qualquer forma, é fundamental deixar claro que quaisquer comentários são válidos e que os trabalhadores não serão julgados por eles. Encorajá-los a dar feedback e fazê-los entender que a melhoria e o crescimento da empresa estão em suas mãos são pontos importantes. Para isso, você pode realizar pesquisas de satisfação, pesquisas com as pessoas a quem os colaboradores se reportam ou, por exemplo, pesquisas abertas sobre qualquer tema que diga respeito ou interesse aos funcionários.

Questões-chave para construir uma estratégia de endomarketing

1. Comunicação e relações

Como é a comunicação interna entre os funcionários? Como são as relações entre os trabalhadores de forma transversal? E vertical?

Viemos de uma estrutura organizacional hierárquica em que a comunicação não flui entre departamentos e níveis. Hoje, a comunicação entre a gestão e os demais funcionários está cada vez mais aprimorada. Os funcionários valorizam muito os gerentes que dedicam seu tempo e atenção a eles.

É importante abrir canais de comunicação entre os diferentes departamentos e níveis da empresa. Os trabalhadores devem se sentir ouvidos e precisam receber feedback para sentir que estão melhorando. Existem muitos canais de comunicação interna que você pode experimentar: plataformas de mensagens instantâneas online para equipes como Slack, Trello ou Riot são algumas delas.

Você também pode oferecer reuniões semanais entre as equipes para dar e receber feedback, ou uma reunião mensal para tomar um café mais descontraído e compartilhar opiniões sobre a empresa são iniciativas que apoiam sua estratégia de endomarketing.

Afinal, trata-se de criar um espaço no qual o trabalhador possa se comunicar de forma eficaz e fluente com as pessoas ao seu redor. Nele, a comunicação vertical é especialmente importante, para que os funcionários possam receber feedback de seus superiores diretos e entender seu desempenho e áreas que podem ser melhoradas.

2. Espaço

Os funcionários têm as ferramentas para se desenvolver? Podem fazer seu trabalho corretamente? Conseguem aprender enquanto fazem seu trabalho?

É muito importante ter um espaço de trabalho adequado com os materiais e ferramentas que os funcionários precisam para desempenhar bem suas funções. Além do material básico de escritório, os espaços são importantes para que o funcionário se sinta confortável.

Para estimular o trabalho em equipe e o bom relacionamento entre os trabalhadores, é importante que haja áreas comuns onde eles possam se encontrar. Você pode se perguntar, por exemplo: existe um local que incentiva os trabalhadores a se sentarem juntos para compartilhar seus intervalos? Existem salas de reuniões que podem ser usadas quando alguém precisa se concentrar ou fazer uma ligação importante?

3. Autonomia

Como são as tarefas dos funcionários? Eles podem realizar o trabalho da maneira que acham melhor ou seguem algumas diretrizes? Realizam um trabalho monótono ou criativo?

Como disse Daniel Pink em seu livro Drive, a autonomia é um dos principais motivadores intrínsecos no trabalho. Hoje, as tarefas são menos monótonas e repetitivas, e mais criativas, por isso, as formas de abordá-las também estão aumentando.

Cada pessoa tem uma forma de trabalhar que é mais eficaz para ela. Há pessoas que trabalham melhor de manhã e outras à tarde, por exemplo.

Dar ao colaborador a possibilidade de organizar a sua agenda e a forma como executa as tarefas ajudará a aumentar a sua motivação e produtividade.

4. Promoção e crescimento dentro da empresa

Existem oportunidades reais de promoção dentro da empresa? É oferecido coaching aos funcionários? Existem planos de treinamento para apoiar o desenvolvimento de cada funcionário?

Para que os colaboradores se sintam parte do propósito e dos objetivos de uma empresa, é importante que concebam um horizonte temporal de crescimento dentro da organização.

Se compreenderem que o desempenho efetivo de suas funções será recompensado e que poderão crescer e se desenvolver como profissionais, poderão se sentir mais motivados. A partir do momento em que os funcionários entenderem que existem possibilidades de promoção e crescimento dentro da empresa, eles se sentirão muito mais comprometidos com ela.

5. Propósito da empresa

Os trabalhadores estão alinhados com o propósito, missão ou visão da empresa? Conhecem o propósito da organização? Entendem o quadro geral? Sentem-se comprometidos e compartilham os valores da empresa? Se orgulham de trabalhar nessa empresa?

O propósito da empresa é um dos elementos-chave para seu crescimento, e fazer as perguntas acima nos ajudará a entender melhor como ele está sendo gerenciado dentro da organização.

Tire conclusões e aplique um novo sistema que promova o endomarketing

  1. Motive seus funcionários. É vital que seus funcionários estejam motivados. Como dissemos, motivação e felicidade aumentam a criatividade de seus funcionários em 86% e os tornam até 43% mais produtivos.
  2. Estabeleça um canal de comunicação interna eficaz. As posições superiores devem ser facilmente acessíveis. Ofereça aos seus funcionários a possibilidade de expressar suas opiniões e sugestões. É importante que os funcionários dêem e recebam feedback, que possam se comunicar de forma fluida e eficaz, tanto com as pessoas a quem se reportam quanto entre os departamentos.
  3. Promova um espaço de trabalho em que os trabalhadores se sintam parte da empresa e dos seus valores. Incentive os funcionários a terem novas ideias e a trabalharem no desenvolvimento delas por um determinado período de tempo. Se eles trabalharem em um projeto que eles mesmos propuseram, eles se sentirão mais motivados e sua produtividade aumentará.
  4. Promova ações de integração. Estimule as relações entre os usuários, qualquer que seja sua classificação. Estabeleça um ambiente de trabalho no qual possam ser criadas relações pessoais, como happy hours, comemorações de aniversário ou atividades de team building, por exemplo.
  5. Dê autonomia aos seus funcionários. Como já dissemos, a autonomia é um dos motivadores intrínsecos mais importantes e eficazes que existem. Precisamos nos sentir livres para tomar nossas próprias decisões e organizar nosso tempo e recursos da forma como julgarmos mais eficiente. Cada funcionário trabalha melhor de uma determinada maneira e deve decidir por si próprio a maneira como se sente mais confortável... Dessa forma, os trabalhadores se sentirão livres para se autogerenciar e aumentarão sua produtividade, pois trabalharão da maneira ideal. É o próprio funcionário que sabe quais são seus métodos de trabalho mais eficazes, de modo que ele terá um desempenho maior e melhor se puder se autogerenciar.
  6. Ofereça programas de treinamento. É muito importante treinar seus funcionários em relação a habilidades e conhecimentos que eles precisam ter para desempenhar bem o seu trabalho. Além disso, também é importante oferecer treinamento para o seu crescimento e desenvolvimento pessoal. Embora essas não sejam habilidades diretamente relacionadas ao trabalho, são importantes para o empregado. Ele sentirá que você investe nele como pessoa e não apenas para desempenhar uma função específica.

Histórias de sucesso de empresas que aplicam o endomarketing

Atlassian: FedEx Fridays para aumentar a motivação intrínseca

Os FedEx Days dão aos funcionários a chance de trabalhar em qualquer coisa que quiserem por 24 horas e entregar o fruto de sua criatividade no dia seguinte.

Toda quinta-feira, os funcionários dessa empresa de software australiana embarcam em um dia de pesquisa e aprendizado no qual desenvolvem novas ideias.

O conceito de FedEx Day foi criado pela Atlassian e popularizado por Daniel Pink em seu livro Drive. Pink diz que motivações externas, como dinheiro, bajulação ou ameaças, perderam sua eficácia. Em vez disso, revela três elementos da verdadeira motivação intrínseca: autonomia, domínio e propósito.

InboundCycle: transparência e autogestão, duas soluções para criar um ambiente de trabalho saudável

Na InboundCycle, as opiniões de nossos colegas são muito importantes para nós. É por isso que realizamos reuniões semanais com toda a equipe, nas quais compartilhamos opiniões, agradecemos a ajuda recebida e reconhecemos os méritos e o trabalho de outras pessoas. Partilhamos e celebramos os valores da empresa, como o trabalho em equipe, a honestidade, o companheirismo e o esforço.

Também damos grande importância à transparência e ao fato de toda a equipe se sentir parte da mesma missão. Por isso, mensalmente, realizamos uma sessão interna na qual analisamos as contas e finanças da empresa, bem como os objetivos a serem alcançados. Dessa forma, toda a equipe entende a situação da empresa e a importância do seu papel.

Acreditamos na autonomia e na autogestão dos nossos funcionários. Estamos convencidos de que se uma pessoa se sente motivada e compartilha objetivos com a equipe, ela trabalhará melhor se se autogerenciar e se organizar como desejar. Na InboundCycle, também temos flexibilidade para trabalhar à nossa maneira e nos horários e espaços que nos são mais convenientes.

Endomarketing na sua empresa

É verdade que apostar no endomarketing envolve um grande investimento de tempo, esforço e recursos. Não há dúvida de que não é uma mudança automática e que existe um componente cultural fundamental. E que é necessário contar com o apoio de quem toma as decisões no nível mais alto para criar um espaço de trabalho com essas características.

No entanto, quando uma estratégia é definida, todas as etapas da análise são aplicadas e as iniciativas de marketing interno são implementadas, os funcionários sentem que são parte essencial da empresa.

Assim, essa percepção se transforma em benefícios, pois, a longo prazo, impactará não só o clima organizacional, mas também a produtividade dos seus funcionários e a lucratividade do seu negócio.

Convido você a pensar em como aplicar o endomarketing na sua empresa e me contar os resultados.

CTA - Post - Vertical- Desktop

Publicado em 04 de junho de 2020.


Revisado e validado por Jalusa Lopes, Country Manager da InboundCycle Brasil.

FAQs sobre endomarketing

  • O que é endomarketing?

    É uma estratégia que se refere a fazer “marketing interno”. Endomarketing consiste em motivar e conscientizar os funcionários para que eles sejam comprometidos, produtivos, motivados e acreditem firmemente no produto/serviço oferecido pela empresa.

    Se os funcionários de uma organização estiverem motivados e satisfeitos, o seu trabalho irá melhorar exponencialmente. Isso leva, por sua vez, a clientes mais satisfeitos.

    Antes de propor uma estratégia de endomarketing, é preciso ver os funcionários como clientes internos.

  • Qual é o principal objetivo do endomarketing?

    O principal objetivo do endomarketing é realizar ações de marketing para o público interno da empresa. Essas ações favorecem o ambiente de trabalho, com foco em bem-estar, saúde mental e conforto de colaboradores e equipes, dessa forma, promove muitos impactos positivos no resultado individual e coletivo das pessoas.

  • Como funciona o endomarketing nas empresas?

    Apostar no endomarketing envolve um grande investimento de tempo, esforço e recursos. Não há dúvida de que não é uma mudança automática e que existe um componente cultural fundamental. E que é necessário contar com o apoio de quem toma as decisões no nível mais alto para criar um espaço de trabalho com essas características.

    No entanto, quando uma estratégia é definida, todas as etapas da análise são aplicadas e as iniciativas de marketing interno são implementadas, os funcionários sentem que são parte essencial da empresa.

    Assim, essa percepção se transforma em benefícios, pois, a longo prazo, impactará não só o clima organizacional, mas também a produtividade dos seus funcionários e a lucratividade do seu negócio.

  • Como elaborar um projeto de endomarketing?

    A implementação bem-sucedida de uma estratégia de endomarketing começa com a análise da comunicação, dos relacionamentos, dos espaços de trabalho e da autonomia da equipe, entre outros aspectos. Após definir um objetivo, é necessário tirar conclusões a partir da informação coletada e avançar para a definição de um novo sistema que promova a motivação, integração, formação e sentimento de equipe.

  • Como planejar uma campanha interna?

    Se você deseja planejar uma estratégia de endomarketing em sua organização, recomendo que siga os passos a seguir.

    1. Observe tudo o que acontece na sua empresa: preste atenção em como a comunicação entre os funcionários é gerada e se essa comunicação flui verticalmente (se os funcionários têm a possibilidade de se comunicar facilmente com seus diretores e se eles recebem e dão feedback).
    2. Realize sessões de team building: essa é a oportunidade dos colaboradores interagirem uns com os outros, além do cotidiano da empresa. Aproveite para observar se há uma equipe coesa e se os esforços de sua equipe caminham em uma mesma direção.
    3. Agende reuniões de equipe: aproveite as reuniões de equipe para ver como os funcionários interagem entre si e se eles contribuem com diferentes pontos de vista, feedbacks e novas ideias. Preste atenção especial aos detalhes que permitem saber se eles se sentem comprometidos com os objetivos da empresa, se se envolvem ou se participam da reunião de forma mais passiva. 
    4. Pesquisas anônimas: é importante monitorar o humor de seus funcionários, pois assim fica mais fácil saber como eles se sentem. Para os funcionários se abrirem, muitas vezes, é mais fácil que seja de maneira anônima, sem medo das consequências que suas palavras possam ter. De qualquer forma, é fundamental deixar claro que quaisquer comentários são válidos e que os trabalhadores não serão julgados por eles. Encorajá-los a dar feedback e fazê-los entender que a melhoria e o crescimento da empresa estão em suas mãos são pontos importantes. Para isso, você pode realizar pesquisas de satisfação, pesquisas com as pessoas a quem os colaboradores se reportam ou, por exemplo, pesquisas abertas sobre qualquer tema que diga respeito ou interesse aos funcionários.

Outros artigos que podem te interessar...

Como crescer no Instagram: 23 dicas práticas
Como fazer um Instagram Stories atrativo para os seus seguidores
Como usar o Pinterest para a sua empresa: guia completo

O que você acha? Deixe um comentário!