<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=81693&amp;fmt=gif">

Exemplos de inovação nas empresas para inspirar seu negócio

menu_book 7 minutos de leitura

Inovação nas empresas é um assunto em constante crescimento prioridade em 85% dos negócios. Porém, dados da 4ª edição da pesquisa Ace Innovation Survey mostram que apenas 36% das companhias possuem uma estrutura adequada para fomentar e desenvolver novas ideias.

São as novidades e transformações que ajudam a fidelizar os clientes e, consequentemente, aumentar as vendas. Uma empresa obsoleta fica atrás da concorrência e perde a preferência do consumidor, por isso é tão importante entender quais são os tipos de mudanças, como começar e exemplos de inovação nas empresas para se inspirar.

Inovações nas empresas: por onde começar

Antes de tudo, é importante saber que existem diferentes tipos de inovação:

1. Inovação organizacional

Métodos que ampliam a competitividade da empresa e geram alterações na cultura organizacional. Muitos negócios já aderiram à IA para automatizar tarefas, melhorar o atendimento ao cliente e analisar dados. Por exemplo, o uso de chatbots e sistemas de recomendação.

Você gosta do que está lendo? Inscreva-se para receber os novos posts e notícias de marketing e vendas no seu e-mail

2. Inovação em modelo de negócio

Atrelada à forma que a organização conduz seu negócio, como modo de operação e geração de receita. Esse tipo de inovação pode incluir políticas de trabalho remoto e horários flexíveis para aumentar a satisfação e a produtividade dos funcionários.

3. Inovação de processo

Foco na produtividade, com o uso de técnicas e metodologias ligadas aos processos operacionais. Por exemplo, a implementação de sistemas de gestão colaborativa, como Trello ou Asana.

4. Inovação de marketing

Refere-se às mudanças no produto ou serviço, tal como design, segmentação de clientes e reposicionamento no mercado. Pode também incluir novas estratégias de marketing digital, se fizer sentido com a estratégia da empresa. Para alcançar esses resultados, os próprios consumidores podem fazer parte do processo, sendo convidados para dar feedback e ideias que vão melhorar a experiência de todos.

5. Inovação em produto

Criação ou melhorias nos produtos oferecidos para gerar mais valor para o público. Uma vez que 80% dos consumidores prefere comprar produtos ecológicos em vez de mais baratos, as empresas estão desenvolvendo produtos com menor pegada ecológica para atender às necessidades desse público. É o caso de embalagens biodegradáveis e veículos elétricos.

6. Inovação em serviços

Parecido com o anterior, porém o foco é implementar mudanças nos serviços que a empresa oferece. Esse é um exemplo de inovação nas empresas de grande importância, pois um bom atendimento é fundamental para 94% dos brasileiros. Porém, apenas 11% dos consumidores estão satisfeitos.

7. Inovação incremental

Pequenas e contínuas melhorias nos produtos ou serviços, que são praticamente imperceptíveis aos clientes, mas que contribuem para uma excelente experiência. Por exemplo, a adoção de serviços em nuvem para maior agilidade e escalabilidade dos negócios. 

8. Inovação radical

Como o nome já indica, são verdadeiras transformações nos produtos ou serviços apresentados ao mercado. Esse tipo de inovação nas empresas pode até mesmo modificar o modelo de negócios. Por exemplo, a Netflix começou sendo um serviço de aluguel de DVDs pelo correio e mudou para seu modelo atual de negócios em 2007. Atualmente, a empresa é avaliada em cerca de US$ 100 bilhões.

cta-horizontal-caso-sucesso-affy

Exemplos de inovação nas empresas: casos de sucesso

Muitas vezes, aprendemos melhor na prática do que na teoria. Por isso, separamos quatro exemplos de inovação nas empresas para exemplificar melhor esse processo: 

Nike+

A Nike e a Apple são duas empresas conhecidas pela sua inovação, por isso não foi surpresa quando elas lançaram o Nike+. O aplicativo visa fornecer aos corredores uma experiência mais completa e personalizada de treinamento, com monitoramento de distância percorrida, ritmo, calorias queimadas e tempo de corrida. 

O sensor já tem mais de 5 milhões de usuários e possui um faturamento que cresce em média 7% ao ano desde 2007. Esse exemplo de inovação nas empresas mostra o poder de uma estratégia co-branding, pois ambas as marcas têm um papel ativo na construção de benefícios. Ao mesmo tempo, aproveita o público dos parceiros para conquistar novos mercados.

exemplos-de-inovacao-nas-empresas-nike+Fonte: Nike

Google

Essa é uma das empresas mais inovadoras do mundo, ficando em segundo lugar no ranking mundial da BCG em 2020. Motivos não faltam para justificar esse status, mas a ênfase na cultura de inovação com certeza é um dos mais fortes. 

Em 2013, o Google compartilhou seus "Nove Princípios de Inovação", uma versão atualizada dos pensamentos originalmente divulgados em 2008 pela ex-executiva Marissa Mayer. São eles: 

  1. Inovação e não a perfeição instantânea
  2. Ideias vêm de toda parte
  3. Licença para seguir seus sonhos
  4. Transforme os projetos, não os descarte
  5. Compartilhe informações o máximo que puder
  6. O foco é nos clientes, não no dinheiro
  7. Os dados são apolíticos
  8. Criatividade ama restrições
  9. Recrute pessoas brilhantes

exemplos-de-inovacao-nas-empresas-google-data-centerFonte: Google

Magazine Luiza

A empresa familiar com mais de 60 anos de história é hoje uma das principais referências de digitalização da economia brasileira, sendo um dos maiores casos de sucesso entre os exemplos de inovação nas empresas. Tudo isso graças a mudança de cultura e um plano estratégico multicanal, inspirados no conceito de “lean startup”. 

Aos poucos, a Magazine Luiza começou a adaptar o modelo ágil das startups para sua realidade. Além de investir no digital, com a digitalização das lojas físicas e a primeira influenciadora virtual do Brasil, eles têm seu próprio laboratório de inovação.

Mas esse não é o único exemplo de inovação nas empresas que podemos aprender com a Magalu. A marca lançou o Luizacred em 2001, sendo fruto de uma parceria entre Itaú Unibanco e Magazine Luiza. Hoje, é uma das maiores financeiras do Brasil.

exemplos-de-inovacao-nas-empresas-magazine-luizaFonte: Canal da Lu

Nestlé Brasil

Essa lista não estaria completa sem a Nestlé, eleita a empresa mais inovadora do país em 2022 pelo Valor Inovação Brasil. Foi a primeira vez que uma representante do setor de alimentos, bebidas e ingredientes lidera o ranking. 

Assim como o Google e a Magalu, a Nestlé tem seu próprio hub de inovação aberta, o Panela House. Entre as campanhas mais inovadoras da empresa, podemos citar o Nestlé Health Science, com foco no desenvolvimento de terapias nutricionais e cujo projeto foi utilizado como modelo para o e-commerce de outros países, como Suíça no mercado B2B e Espanha e Estados Unidos no mercado D2C. 

Já o Nestlé Até Você é hoje o maior e mais completo e-commerce B2B para solucionar as necessidades do pequeno varejista. O projeto ainda conta com o Order Simulator, criado especialmente para o Nestlé Até Você, que consiste em realizar cálculos internos que abatem preços cheios e descontos em promoções, executado sempre no carrinho de compras e no checkout.

exemplos-de-inovacao-nas-empresas-nestleFonte: Mercado e consumo

Como começar a inovar na sua empresa

Você se inspirou com esses casos de sucesso, mas não sabe como começar? Confira algumas dicas que vão ajudar a tirar os projetos do papel e colocar seu negócio na próxima lista de exemplos de inovação nas empresas:

Crie uma cultura de inovação

Uma pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) mostrou que 86% das 132 organizações estudadas acreditam que o futuro dos negócios está no incentivo à cultura de inovação. Esse conceito refere-se ao conjunto de atitudes e comportamentos das empresas para promover mudanças e transformações. 

Isso inclui o foco no aprendizado contínuo, segurança psicológica dos colaboradores e uma hierarquia horizontal, em que todos se sentem confortáveis a contribuir e compartilhar ideias.

Nova call to action

Identifique oportunidades

A identificação de oportunidades permite que a empresa avalie onde concentrar seus esforços de inovação. Pode ser no desenvolvimento de produtos, serviços ou processos internos. É através deste processo que o negócio também verifica a viabilidade de desenvolver soluções que levam à vantagem competitiva, garantindo que há demanda suficiente para justificar o investimento.

Defina objetivos claros

A inovação nas empresas passa pela definição de objetivos claros, pois só isso gera metas tangíveis. Do contrário, os colaboradores podem perder o foco e acabar desperdiçando recursos, priorizando tarefas com pouco impacto ou benefício para a empresa.

Ter objetivos claros garante que a inovação esteja alinhada aos objetivos estratégicos de negócios. Ao mesmo tempo, há uma compreensão clara do que se espera alcançar com aquele projeto e uma orientação para as áreas certas. Por exemplo, se o objetivo é desenvolver novos produtos, a empresa pode direcionar seus recursos para equipes de pesquisa e desenvolvimento. 

Envolva a equipe

A inovação não é apenas uma atividade isolada de uma equipe ou indivíduo, mas um esforço colaborativo de toda a organização. Logo, envolver a equipe é fundamental para garantir que todos estejam na mesma página e para aproveitar habilidades e o conhecimento de colaboradores de diferentes áreas. 

Isso impacta também na motivação e engajamento do time, que traz resultados para a organização de modo geral. Uma pesquisa da Gallup mostrou que empresas com colaboradores engajados são até 22% mais lucrativas do que concorrentes com número baixo de engajamento. Ao mesmo tempo, isso fomenta a cultura de inovação.

Utilize ferramentas e metodologias adequadas

Ferramentas e metodologias adequadas são cruciais para a inovação nas empresas, pois ajudam a estruturar e guiar o processo de forma mais eficiente e eficaz. Algumas das metodologias mais populares para a inovação empresarial são: 

  • Design Thinking: Abordagem centrada no usuário que busca entender as necessidades e desejos do cliente para criar soluções inovadoras. Muitas vezes, envolve técnicas de UX e UI para entender as dores do público e desenvolver soluções para atendê-las.
  • Lean Startup: Metodologia que se concentra em criar soluções inovadoras de forma rápida e eficiente, com o mínimo de recursos. Ele envolve uma série de práticas, como a criação de protótipos mínimos viáveis, testes de mercado e ciclos de feedback rápidos.
  • Agile: Metodologia que enfatiza a flexibilidade, a colaboração e a resposta rápida às mudanças. Ele envolve a criação de equipes multidisciplinares, iterações rápidas e frequentes e comunicação aberta e transparente. 

Faça prototipagem e teste

Entendemos a prototipagem como um processo de criação de um modelo inicial do produto ou serviço, que pode ser feito com diversas técnicas. Por exemplo, desde esboços de papel até modelos em 3D e protótipos físicos. Já os testes permitem que a equipe analise o desempenho e aceitação da novidade no ambiente real.

Essa etapa é fundamental na inovação nas empresas, pois permite a visualização das ideias em cenários reais, identificação de falhas e aprimoramentos antes de investir recursos significativos em um produto final. Tudo isso com feedback em tempo real de um grupo selecionado de clientes!

Implemente e melhore continuamente

A inovação nas empresas gera adaptação às demandas do mercado com o desenvolvimento de produtos ou serviços que aumentem a eficiência operacional e melhorem a experiência do cliente. 

Porém, para isso dar certo, é preciso ter uma constância de implementação e melhorias. A organização precisa alocar recursos financeiros, contratar funcionários com habilidades específicas e incentivar um pensamento inovador em toda a organização.

Nueva llamada a la acción

Meça e compartilhe resultados

Os KPIs não servem apenas no marketing digital! Medir e compartilhar resultados também faz parte da inovação nas empresas, pois é essa prática que permite avaliar a efetividade das estratégias e identificar oportunidades de melhoria. A divulgação desses resultados, por sua vez, permite que a empresa demonstre a sua capacidade de inovação para o mercado, potenciais investidores e clientes. 

Aprenda com as experiências

Aprender faz parte de todos os processos na vida. Quando a empresa experimenta novas ideias e abordagens, nem todas elas serão bem-sucedidas. No entanto, é importante identificar porque uma ideia não funcionou e usar essas informações nas próximas tentativas. 

Ao aprender com os fracassos, a empresa pode evitar repetir os mesmos erros e aumentar a probabilidade de sucesso em futuros projetos. Além disso, a abertura para experimentação e falhas incentiva a cultura de inovação na empresa. 

Continue inovando

Por fim, continue inovando para que a empresa permaneça competitiva e relevante no mercado. Através da implementação de novidades, é possível alcançar novos públicos, aumentar a produtividade e reduzir custos. 

Do contrário, a organização corre o risco de ficar para trás em relação aos concorrentes, perdendo participação de mercado e oportunidades de crescimento. Por isso, é importante que as empresas continuem inovando, investindo em pesquisa e desenvolvimento e mantendo uma cultura de criatividade e experimentação.

Inovação nas empresas é um processo contínuo

A inovação é um fator crítico para o sucesso e a sobrevivência das empresas, sendo que tudo começa com uma cultura propícia para novas ideias e transformações. Os colaboradores devem se sentir confortáveis experimentando e sugerindo mudanças, que podem ser implementadas ou não.

A organização também precisa entender que existem diferentes tipos de inovação para depois decidir qual priorizar, levando em consideração seus objetivos e recursos. Na dúvida, veja alguns casos de exemplos de inovação nas empresas para se inspirar e saber por onde começar.

Embora nem todas as ideias sejam bem-sucedidas, é importante continuar tentando. Aprender com os erros e ajustar o curso é fundamental para a inovação a longo prazo. As empresas devem reconhecer que o processo de inovação é contínuo e que é importante manter uma mentalidade aberta para experimentação.

Nova call to action

Publicado em  26 de abril de 2023.

Revisado e validado por  Susana Meijomil, Inbound Content Marketing Manager em InboundCycle

FAQ sobre exemplos de inovação nas empresas

  • São exemplos de inovações?

    A Netflix começou sendo um serviço de aluguel de DVDs pelo correio e mudou para seu modelo atual de negócios em 2007. Atualmente, a empresa é avaliada em cerca de US$ 100 bilhões. Outro exemplo é a NIke+, uma parceria da Nike com a Apple 
  • Quais são os tipos de inovação?

    Existem diferentes tipos de inovação: organizacional, em modelo de negócio, de processos, de marketing, em produto ou serviços, inovação incremental, pequenas e contínuas melhorias ou modificações radicais.
  • O que é inovação organizacional exemplos?

    Métodos que ampliam a competitividade da empresa e geram alterações na cultura organizacional. Muitos negócios já aderiram à IA para automatizar tarefas, melhorar o atendimento ao cliente e analisar dados. Por exemplo, o uso de chatbots e sistemas de recomendação.

  • Qual a inovação de uma empresa?

    Inovação nas empresas é um assunto em constante crescimento prioridade em 85% dos negócios. São as novidades e transformações que ajudam a fidelizar os clientes e, consequentemente, aumentar as vendas. Uma empresa obsoleta fica atrás da concorrência e perde a preferência do consumidor, por isso é tão importante entender quais são os tipos de inovação, como começar alguns casos de sucesso para se inspirar.

O que você acha? Deixe um comentário!