<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=81693&amp;fmt=gif">

Como criar um anúncio no Instagram: o guia completo

CTA- post-vertical-Desktop-TinyQuer experimentar um novo canal de marketing e lançar um anúncio no Instagram aproveitando ao máximo os recursos oferecidos pela plataforma?

Neste artigo mostrarei como anunciar no Instagram Ads, analisando seus formatos e vantagens. Para que você não cometa erros de iniciante, darei algumas dicas que podem otimizar suas campanhas. Além de outras informações interessantes sobre a plataforma, você encontrará um passo a passo completo para criar a sua própria publicidade. Está preparado? Vamos começar!

O que é um anúncio no Instagram?

O Instagram Ads, ou anúncio no Instagram, é uma plataforma de publicidade que utiliza vídeos ou imagens. Para criar um anúncio usa diferentes critérios de segmentação pré-estabelecidos com o intuito de alcançar um público-alvo específico.

Na medida em que você investe uma certa quantia de dinheiro, que pode ser ajustada, o seu conteúdo é oferecido a um público com interesses relacionados a ele.

O modo de fazer anúncios no Instagram Ads é igual ao Facebook, já que ambos utilizam a mesma plataforma, o Facebook Ads, uma das maiores plataformas de gerenciamento de anúncios, com mais de um bilhão de usuários ativos por mês.

Por que anunciar no Instagram? Quais são suas vantagens?

Alguns dos benefícios oferecidos pelo anúncio no Instagram são:

  • Alcançar seus futuros clientes no mesmo meio em que eles interagem com amigos e influenciadores.
  • Impactar o seu público-alvo por meio das várias possibilidades visuais que oferece.
  • Alcançar os usuários interessados nos seus produtos/serviços.
  • Melhorar a imagem e a divulgação dos valores da sua marca.
  • Aumentar o seu número de seguidores e criar uma comunidade em torno da sua marca.
  • A plataforma está em constante evolução.
  • Não exige um investimento inicial alto. Você pode obter resultados pagando a partir de US$ 10.
  • Lançar simultaneamente campanhas no Facebook e Instagram.
  • Coletar dados na plataforma.
  • Aproveitar a audiência, do Instagram e do Facebook, para segmentar e otimizar campanhas bem categorizadas.
  • Utilizar critérios avançados de segmentação, como idade, sexo, localização, cargo, interesses, etc, para chegar ao perfil correto. Por sua vez, o Facebook Pixel permite criar públicos semelhantes ou lookalike e impactar pessoas que já interagiram com o site ou com o concorrente.
  • É uma das plataformas com maior engajamento.

7 dicas para criar anúncios que se destaquem no Instagram

Antes de analisar os formatos de publicidade disponíveis e começar a falar do passo a passo para você criar as suas campanhas, vou dar 7 conselhos valiosos para criar um anúncio no Instagram.

  1. Simule uma publicação amadora: o Instagram é uma rede social onde os usuários buscam interagir com amigos e conhecidos. Portanto, se você simular um formato amador no seu anúncio, chamará a atenção dos usuários, pois eles poderão identificar o seu anúncio como uma publicação de amigos.
  2. Crie inconsistências espaciais: crie composições que confundam os sentidos das pessoas para elas pararem no anúncio. A sensação de leveza, reflexos invertidos e perspectivas impossíveis são as mais comuns.
  3. Inclua rostos sorridentes: os humanos são atraídos por outros rostos e, se estiverem sorrindo, ainda mais. E ainda se parecerem estar gostando do seu produto ou serviço, você enviará uma mensagem implícita que levará os usuários a desejarem o seu produto.
  4. Use o humor: o humor e o espanto estão entre os ingredientes que melhor funcionam nas redes sociais. Se você conseguir criar anúncios bem-humorados, aumentará a interação e o alcance de sua mensagem.
  5. Conte histórias: as pessoas são atraídas por histórias, basta ver o boom das séries televisivas. E se por meio dessas histórias você transmitir emoções relacionadas ao seu produto/serviço sua marca ficará gravada no cérebro de seus clientes.
  6. Mantenha a coerência: tudo que foi dito acima deve ser coerente com a sua identidade visual e seu produto/serviço. Ou seja, priorize o conteúdo da sua marca e a mensagem que deseja transmitir. Se você quer aumentar as vendas, o objetivo deve ser atingir o público-alvo, e não gerar mais interação com o conteúdo.
  7. Aumente a qualidade: outro jeito de se destacar é pela qualidade. Um conteúdo de maior qualidade atrai mais a atenção dos usuários, aumentando a eficácia das campanhas. Um exemplo são as artes de marcas como Nike, Coca Cola, etc. Mas você não precisa gastar milhares de reais. Se entre seus concorrentes você conseguir oferecer um produto de melhor qualidade, vai obter o mesmo resultado.

Nueva llamada a la acción

Quais formatos de anúncios você pode usar no Instagram?

Agora que analisamos o que é a publicidade no Instagram, quais são os seus benefícios e quais os aspectos fundamentais para criar anúncios de destaque, vamos analisar os formatos de anúncios disponíveis na plataforma.

Conhecendo as regras do jogo, você poderá liberar a sua criatividade. Além disso, darei algumas dicas de como otimizar cada formato para você se inspirar.

1. Imagem

A imagem é o tipo mais usado e, a princípio, o mais simples de implementar. No entanto, não é fácil criar um anúncio na forma de imagem que chame a atenção do seu público-alvo em um ambiente onde o nível de qualidade fotográfica é muito alto.

Procure incluir uma imagem de qualidade que, além de transmitir uma mensagem, reforce o objetivo da sua campanha e se destaque pela qualidade e criatividade.

Todo o investimento que fizer nesse momento será recompensado. Você terá um custo de publicidade mais baixo e um maior retorno.

O formato mais usado é o quadrado, mas você também pode usar o formato vertical ou horizontal.

anuncio-no-instagram-fluencyacademy-feed

Fonte: Fluency Academy

2. Vídeo

O vídeo é a estrela das redes sociais. De longe é um dos formatos com mais interação e que melhor se conecta com os usuários.

Isso se deve a dois fatores. Em primeiro lugar, imagens em movimento chamam mais a atenção do que uma imagem estática. Por outro lado, o vídeo permite transmitir mais informações e, assim, os usuários podem apreciar melhor os detalhes que apresentam o seu produto/serviço.

No entanto, o vídeo também tem uma grande desvantagem: a dificuldade e alto custo de produção.

Fazer vídeos de qualidade é caro e muitas empresas não podem pagar. Mas certamente você tem um celular de última geração, certo?

Bem, aproveite a câmera do seu celular e comece a criar vídeos simples para as suas campanhas. Nas seções a seguir, mostrarei como visualizar os anúncios de seus concorrentes para obter inspirações e ideias para os seus anúncios.

Quanto ao formato, os vídeos não podem ultrapassar 60 minutos de duração. Aqui está o link para a página oficial do Facebook com todos os formatos disponíveis.

anuncio-no-instagram-nike-video

Fonte: Nike

3. Carrossel ou sequência de imagens

Por meio dos carrosséis (sequência de imagens) você pode exibir de 2 a 10 imagens e/ou vídeos em seus anúncios. E assim, entre outras coisas, pode aproveitar para:

  • Destacar diferentes ângulos de um produto.
  • Mostrar vários produtos.
  • Listar as características de um serviço.
  • Criar uma composição em formato de mosaico.
  • Contar uma história em várias etapas.

Como em todos os tipos de anúncio, a criatividade é poderosa. Mas para que os usuários vejam todas as imagens do carrossel uma boa dica é incluir marcações indicando que existem mais imagens. Ou, no caso da publicação incluir um vídeo, convidar o usuário a deslizar para o próximo vídeo.

anuncio-no-instagram-americanas-1

Fonte: Americanas

4. Stories

Os stories são um dos pontos fortes do Instagram. Mais de 500 milhões de pessoas usam esse recurso todos os dias.

Os stories oferecem muitas vantagens. Dentre elas está o fato de fornecer uma experiência imersiva, na qual por 15 segundos você captura a atenção do usuário e pode convencê-lo a realizar uma ação específica, como comprar o seu produto.

Além disso, permite utilizar várias imagens ou vídeos, o que amplia as possibilidades criativas e a mensagem transmitida.

anuncio-instagram-adobecc-story

Fonte: Adobe Creative Cloud

5. Coleção

Nas coleções você poderá mostrar uma série de produtos em um formato bem visual e totalmente adaptado para celulares.

Além disso, se você instalar o pixel do Facebook em seu site e sincronizar o catálogo da sua loja virtual com o Facebook, poderá exibir de forma personalizada os produtos que mais interessam aos seus potenciais clientes.

anuncio-no-instagram-adidas-flamengo

Fonte: Adidas Brasil

6. Anúncios na seção explorar

Mais de 200 milhões de usuários acessam diariamente a página Explorar no Instagram para descobrir conteúdo, assistir, comprar e se conectar com criadores e empresas. A página Explorar de cada pessoa é única, com conteúdo personalizado de acordo com os seus interesses. O conteúdo da guia Explorar muda constantemente. Então os anúncios lá exibidos permitem que as empresas apareçam ao lado de conteúdos culturalmente relevantes e de tendências, que podem estar na forma de imagens ou vídeos.

Ao clicar em uma mídia na grade Explorar, o usuário é conduzido ao feed da seção Explorar, seja de imagens ou vídeos, onde anúncios de foto e vídeo são exibidos ao rolar a página, da mesma forma como aparecem no feed do Instagram. Atenção: os anúncios não serão exibidos na grade da seção Explorar, nos canais de tópico ou nos destinos Vídeo do Instagram, Compras ou Stories.

anuncio-no-instagram-explorar

Fonte: Instagram Business

7. Vídeo no feed

Os anúncios de vídeo do Instagram são reproduzidos depois do usuário clicar para visualizar um vídeo no seu feed. Os vídeos podem ter até 120 segundos e podem ser criados nos formatos horizontal, quadrado ou vertical.

anuncio-no-instagram-video-feed

Fonte: Facebook Business

8. Compras

A cada ano o Instagram melhora os recursos de e-commerce dentro da plataforma. Os anúncios de compras do Instagram redirecionam os usuários para uma página de descrição do produto no próprio aplicativo. Depois, eles podem comprar no site da empresa.

Para publicar anúncios de compras, você precisa configurar seu catálogo de produtos no Instagram.

9. Reels

Depois do lançamento bem-sucedido do Reels, tornou-se possível também anunciar por meio deste recurso. Os Reels são vídeos verticais em tela cheia que podem ter até 90 segundos. Recomendamos a utilização de som ou música para deixar seu Reels mais atrativo.

Como pesquisar a estratégia de publicidade da sua concorrência no Instagram?

Agora que você conhece as alternativas de publicidade na plataforma, é preciso conhecer o que está dando certo no seu setor e em que nível seus concorrentes estão.

Este passo é fundamental e vai poupar muitas dores de cabeça para descobrir o que funciona ou não. Não se trata de copiar, e sim de entrar em jogo conhecendo os seus concorrentes.

Você pode ir ainda mais longe se, além disso, olhar para os grandes players do seu setor, aqueles com maior capital e com as campanhas mais criativas. Assim você certamente terá muitas ideias para aplicar em suas campanhas do Instagram.

Dito isso, vamos ver como pesquisar os anúncios dos seus concorrentes. Você só terá que seguir estes passos:

  1. Entre no perfil do Instagram da conta que você quer pesquisar.
  2. Clique nos três pontos no canto superior direito.
  3. Clique em “sobre esta conta”.
  4. Clique na opção "anúncios ativos".
  5. Tcham tcham! Você poderá investigar a criatividade dos seus concorrentes.

anuncio-no-instagram-animalebrasil

Fonte: Animale Brasil

Quanto custa veicular um anúncio no Instagram?

O valor do investimento para um anúncio no Instagram depende do seu orçamento e diferentes fatores podem influenciar no preço das campanhas. Somente após ativar a campanha saberá quanto custa para atingir o objetivo definido.

Por exemplo, se o objetivo do seu anúncio é direcionar o tráfego para uma página do site, você terá que dividir o custo da campanha pelo número de visitas obtidas em sua página durante a campanha. Caso o seu objetivo seja conseguir downloads de um conteúdo, terá que dividir o custo da campanha pelo número de downloads. Dessa forma, você saberá qual é o custo médio para atingir seus objetivos.

Outras das métricas mais utilizadas são o custo por clique (CPC), custo por mil (CPM) ou custo por lead (CPL), entre outras.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Revealbot, o custo médio da publicidade no Instagram é:

  • $ 10,19 CPM (custo por mil impressões)

  • $ 8,74 CPL (custo por lead)

  • $ 1,38 CPC (custo por clique)

campañas-instagram-ads

Fonte: Revealbot

No entanto, o preço da publicidade no Instagram Ads depende do seu orçamento. A plataforma permite estabelecer um orçamento diário para que, uma vez atingido o limite de gastos, o anúncio deixe de ser exibido. Também permite que você crie um orçamento para um conjunto de anúncios a serem exibidos em um determinado período de tempo.

O preço real, o que o Instagram cobrará por cada resultado obtido, dependerá de diferentes fatores: concorrência, segmentação de público, produto ou serviço promovido, época do ano ou local. Ou seja, depende do objetivo da campanha.

Torna-se então necessário realizar um teste para prever o valor da campanha com base em nosso objetivo.

Vejamos um exemplo:

Imagine uma landing page onde você oferece uma demonstração do seu produto. Depois de realizar uma campanha para obter os leads, você descobre que o preço por pessoa cadastrada é R$3. Além disso, a cada 100 pessoas inscritas, 5 compram o produto de R$150 depois de testá-lo:

  • 100 pessoas inscritas x R$3 por cada pessoa → R$300
  • 5 pessoas compram o produto x R$150 preço do produto → R$750

Neste caso vemos que estamos investindo R$300 para obter contatos suficientes para que, tendo em vista a conversão final (5/100*100=5%), obtenhamos o seguinte lucro: R$750 - R$300 = lucro R$450.

O que você deve saber antes de criar o primeiro anúncio no Instagram

Para ter sucesso nas campanhas publicitárias no Instagram você deve:

  • Ter uma marca e um produto: você deve se diferenciar da concorrência agregando valor a sua marca e chamando a atenção do público.
  • Arte e design: as imagens e/ou vídeos serão a chave para o sucesso do seu anúncio ou, ao contrário, o fracasso. A alta qualidade da arte do anúncio é o principal fator a ser considerado.
  • Página do Facebook: para realizar uma publicidade no Instagram, você deve ter uma página comercial no Facebook.
  • Landing page: você deve ter uma página preparada para aproveitar o seu call to action. Será o local para onde o seu tráfego será direcionado. A sua página inicial também funcionará para as campanhas otimizadas para conversões.
  • Conta do Instagram: recomendamos que faça a verificação da conta antes de iniciar o investimento em anúncios.

Como criar um anúncio no Instagram [Guia]

Se você chegou até aqui já conhece as características da publicidade no Instagram, os formatos disponíveis, alguns truques para ser criativo e conectar-se com o público, bem como já deve ter pesquisado a concorrência para ganhar inspiração.

Vamos então ver passo a passo como criar a sua primeira campanha no Instagram.

1. Vincule a sua página do Facebook ao seu perfil do Instagram

Em primeiro lugar, vincule a sua conta do Instagram à sua página do Facebook, já que as campanhas do Instagram são gerenciadas por meio do business manager do Facebook Ads.

anuncio-no-instagram-1

Fonte: Gerenciador de anúncios Meta Business

Neste link você aprenderá como adicionar uma conta do Instagram à sua página do Facebook ou removê-la e como configurá-la corretamente.

2. Entre no gerenciador de negócios do Facebook Ads

O próximo passo é ir ao gerenciador de negócios do Facebook Ads e criar uma conta de publicidade.

anuncio-no-instagram-2-1

Fonte: Gerenciador de anúncios Meta Business

Esta conta de anúncios será vinculada à sua página do Facebook e Instagram. Você pode criar e gerenciar inúmeras contas de publicidade pessoais ou de clientes.

O mais comum é ter uma conta de publicidade para cada marca ou negócio.

Recomendo que desde o primeiro momento, apesar de não entrarmos em detalhes aqui, você adicione o pixel do Facebook ao seu site. É um código que, quando inserido em seu site, armazena o comportamento dos seus visitantes no business manager do Facebook Ads.

anuncio-no-instagram-3

Fonte: Gerenciador de anúncios Meta Business

Por meio desses dados você pode criar campanhas de remarketing no Facebook para, por exemplo, impactar os usuários que visitaram seu site e saíram sem concluir a compra.

Interessante, né?

Bem, mesmo que pareça muito avançado agora e você não queira complicar mais a sua vida, aconselho instalá-lo. Caso em alguns meses você queira realizar campanhas mais avançadas (e aposto que você vai querer), já terá um grande banco de dados para trabalhar.

O processo é muito simples e, se você instalou o código do Google Analytics no seu site, não terá problemas em fazê-lo.

3. Crie uma campanha e escolha um objetivo

Agora que a sua conta de anúncios está funcionando, é hora de criar sua primeira campanha.

Nesse momento costuma surgir uma mesma pergunta: qual objetivo de campanha devo selecionar?

anuncio-no-instagram-4

Fonte: Gerenciador de anúncios Meta Business

Vamos rever quais objetivos existem e quando você deve usar cada um deles.

  • Reconhecimento: exiba seus anúncios para as pessoas com mais chances de se lembrarem deles.
  • Tráfego: direcione as pessoas para um determinado local, como seu site, aplicativo ou evento do Facebook.
  • Engajamento: receba mais mensagens, visualizações de vídeos, engajamentos de postagens, curtidas na página ou respostas a eventos.
  • Cadastros: gere leads para o seu negócio ou marca.
  • Promoção do aplicativo: encontre novas pessoas interessadas em instalar e usar o seu aplicativo.
  • Vendas: encontre pessoas que provavelmente comprarão seu produto ou serviço.

Além disso, você deve levar em conta sua concorrência. Dependendo do setor, é possível que existam outros anunciantes tentando posicionar ou vender um produto semelhante. Se isso acontecer, é provável que o custo por objetivo (tráfego, interação, reprodução de vídeo, download de aplicativos, etc.) varie.

4. Crie um conjunto de anúncios e segmente seu público

Depois de estabelecer o objetivo de sua campanha, você deve criar um grupo de anúncios, onde você vai segmentar o público-alvo e os locais de exibição dos anúncios no Instagram.

anuncio-no-instagram-5

Fonte: Gerenciador de anúncios Meta Business

Cada campanha pode ter vários grupos de anúncio que segmentam diferentes públicos.

A segmentação será um dos pontos mais influentes no preço dos anúncios do Instagram Ads, pois permitirá especificar o público-alvo. Quanto mais tivermos certeza sobre qual é o nosso público-alvo, maiores as chances de alcançar a meta estabelecida, porém o preço de cada impressão também será maior. Muitas pessoas cometem o erro de criar um público genérico para obter um maior alcance, mas assim correm o risco de impactar pessoas pouco interessadas no anúncio.

instagram-ads-audience-profileFonte: Hootsuite

Por exemplo, uma escola de negócios fará uma campanha para alcançar usuários interessados em um dos seus cursos. Para dirigir-se aos diferentes perfis (gerentes, alunos, funcionários, etc.) criará distintos tipos de anúncios. Como cada um desses perfis comprará por motivos diferentes, as mensagens deverão ser personalizadas.

Por sua vez, para otimizar as mensagens e aumentar o lucro, dentro de cada grupo de anúncios é recomendável criar várias versões de anúncios com diferentes copies e design.

Otimização do anúncio

No menu suspenso "Otimização para a entrega de anúncios" você encontrará três opções:

  • Cliques em links: é a opção recomendada. Os anúncios são otimizados para cliques em links para direcionar as pessoas certas ao seu site pelo menor custo.
  • Impressões: os anúncios não são otimizados para cliques, mas são entregues às pessoas o maior número de vezes possível. Se você já notou o mesmo anúncio em seu feed várias vezes ao longo do dia, é este.
  • Alcance único diário: seu anúncio será exibido para as pessoas uma vez por dia.
  • Visualizações da página de destino: seus anúncios serão entregues àqueles com maior probabilidade de clicar no link e acessar seu site.

Escolha os posicionamentos

Na seção "posicionamentos", você pode decidir onde os anúncios serão exibidos. Existem duas opções:

  • Posicionamentos Advantage+ (automáticos): os anúncios serão exibidos nos locais onde provavelmente terão melhor desempenho, incluindo plataformas do Facebook, Instagram, Audience Network e Messenger.
  • Posicionamentos manuais: você poderá escolher exatamente onde seu anúncio será exibido (e não será exibido). Se você deseja limitar seus anúncios para serem exibidos apenas no Instagram, você pode fazer isso usando os posicionamentos manuais.

anuncio-no-instagram-6-1

Fonte: Gerenciador de anúncios Meta Business

5. Crie o seu anúncio no Instagram

Por fim teremos que de fato criar os anúncios para o Instagram. É necessário adaptar a arte e o texto aos posicionamentos que você selecionou em cada grupo de anúncios, bem como aos públicos-alvo que você segmentou.

Para isso deve ser levado em consideração:

  • Texto: o texto deve ser claro. O limite recomendado é 125 caracteres.
  • URL do site: será a URL para onde você vai redirecionar o seu anúncio. Certifique-se que a URL esteja devidamente marcada com os parâmetros UTM únicos para rastreamento.
  • Call to action (CTA): selecione o call to action mais adequado à ação que você deseja ou está oferecendo.

Dicas para otimizar seu anúncio no Instagram

Com a criação do anúncio o trabalho estará apenas começando.

A maioria das campanhas demoram um pouco para se tornarem lucrativas, especialmente se você não tiver experiência. Para ajudá-lo a alcançar a rentabilidade desejada o mais rápido possível, vejamos 5 passos que você deve seguir para otimizar suas campanhas.

1. Defina a sua buyer persona

Uma buyer persona é uma representação detalhada do seu cliente ideal. Deve ter não só as características ideais, mas também um nome e sobrenome. Além disso, você deve fornecer identidade, personalidade e motivações, bem como outros dados relevantes para ajudá-lo a entender seu comportamento de compra.

Você deve criar tantos buyer personas quanto os tipos dos seus clientes, e não se limitar a criar um único perfil de comprador. Este exercício te ajudará a entender melhor as características e motivações dos seus clientes e, assim, você vai conseguir personalizar os seus anúncios, conectar-se melhor com seu público e aumentar sua lucratividade.

Vejamos um exemplo, a partir de algo tão simples quanto um óculos de sol.

A princípio, você pode pensar que não é possível criar muitas buyer personas para um óculos de sol.

Porém, apesar das características do produto serem simples, a personalidade, poder aquisitivo, idade, idioma, estilo ou características dos clientes que mais gostam do produto não são.

Portanto, se você criar campanhas pensando apenas em uma dessas buyer personas vai perder muitos clientes por não se conectar com eles por meio dos seus anúncios.

2. Use técnicas de copywriting

Copywriting é a arte de convencer com as palavras por meio de técnicas de redação capazes de persuadir o leitor a realizar uma determinada ação. Por exemplo, uma compra.

Existem dezenas (ou centenas) de técnicas de escrita persuasiva. Porém há uma frase, a qual você deve interiorizar, que representa a essência de todas elas:

"Conecte-se com as emoções ou necessidades dos leitores e aproveite essa conexão para transmitir a sua mensagem e direcioná-los a realizar uma determinada ação.”

Deixo aqui as referências de dois dos mais famosos métodos de copywriting usados ​​na criação de anúncios:

  • AIDA
  • Modelo PASTOR

3. Adapte suas mensagens e artes aos diferentes tipos de anúncio

Você deve adaptar seus anúncios aos locais definidos para cada grupo de anúncios. É muito tentador usar o mesmo design para todos os lugares, mas não recomendo por dois motivos:

  • Parece pouco profissional: com certeza você já viu um anúncio e disse a si mesmo: “colocaram aqui de qualquer jeito”.
  • Você desperdiça o seu dinheiro: se não adaptar o design ao formato publicitário, não conseguirá transmitir uma mensagem eficaz, pois o texto não será lido corretamente ou a imagem será cortada.

4. Analise e otimize

Imagino que conheça o ditado: “se não pode ser medido, não pode ser otimizado”. E o que não é otimizado acaba se degradando até perder a validade e a rentabilidade.

A publicidade no Instagram permite vários tipos de análise. Então abra a aba de análise em seu gerenciador de negócios e mergulhe nos dados de suas campanhas para otimizá-las progressivamente.

5. Não tome nada como garantido: faça testes A/B

Você não pode confiar na sua percepção para avaliar se uma arte ou um copy publicitário é melhor que outro. Você tem que expor para o seu público e ele decidirá o que é melhor.

A aplicação de testes A/B ajudará a acertar e otimizar aos poucos para alcançar a máxima rentabilidade.

Aqui eu tenho que dar um aviso: para tirar conclusões dos seus testes A/B, não pode haver grandes diferenças entre as duas versões, pois assim você não saberá o que funciona ou não.

Essa é uma corrida de longa distância, e você terá que realizar inúmeros testes para encontrar o anúncio perfeito. Portanto, seja paciente e vá melhorando aos poucos.

6. Use a geolocalização

Postagens com geolocalização obtêm 79% mais de engajamento, de acordo com um estudo do Simply Measured que avaliou mais de 6.000 postagens no Instagram. Por isso, é aconselhável utilizar o recurso de localização, sempre que for relevante para a publicação.

7. Use hashtags

As Hashtags , quando usadas adequadamente, também ajudam a organizar e divulgar o conteúdo. Na verdade , 7 em cada 10 hashtags são de marca, ou seja, incluem o nome de uma empresa ou de um dos seus produtos.

8. Fotos ou vídeos?

Nos últimos anos o conteúdo audiovisual se tornou o rei das publicações. Uma análise realizada em 2019 mostrou que as fotos possuem 28% mais de alcance do que os vídeos. De acordo com o Relatório Inteligente do Instagram elaborado pela Olapic e L2, as imagens estáticas obtêm 36% mais curtidas em relação aos vídeos. No entanto, o The Instagram Report realizou outro estudo cujos dados posicionaram o vídeo como o melhor formato para gerar engajamento.

É verdade que os vídeos exigem um maior grau de elaboração e que o Instagram nasceu como uma plataforma de compartilhamento de fotos. Portanto, é melhor realizar testes com os dois formatos para avaliar qual se encaixa melhor com o público que você vai impactar e, com base nos resultados, decidir qual promover.

9. Quando publicar?

O melhor jeito de saber quando postar no Instagram é acessando a aba "Público" em “Informações” no seu perfil empresarial. Dessa forma, você obterá um gráfico com os dias e horários em que seus usuários estão mais ativos e, assim, terá uma ideia de quando as suas publicações terão mais impacto. Veja nossas dicas sobre as melhores ferramentas para analisar o Instagram da sua empresa e obter insights preciosos neste artigo.

Exemplos inspiradores para melhorar seu anúncio no Instagram

Chegamos ao final da parte teórica do artigo. Agora você já sabe tudo o que precisa para começar a veicular as suas campanhas no Instagram Ads.

Para finalizar mostrarei alguns exemplos inspiradores que podem ajudar a melhorar a sua publicidade no Instagram. Espero que os ache úteis, consiga campanhas de sucesso e assim melhore a rentabilidade do seu negócio.

anuncio-instagram-artistico

anuncio-instagram-coloridoanuncio-instagram-efeito-leveza 

Outros dados interessantes sobre anúncio no Instagram

Mas isso não é tudo. O Instagram Ads é uma ferramenta muito poderosa. Aqui estão alguns outros fatos relevantes:

  • 61% das organizações já investiram no Instagram, sendo a rede em que mais investem.
  • 58% das empresas aumentaram seu investimento publicitário no Instagram Ads em 2020.
  • O Instagram é a terceira rede social mais utilizada no Brasil em 2022, ficando atrás do WhatsApp e do Youtube.
  • É a plataforma mais utilizada pelos usuários para seguir influenciadores.
  • Mais de 200 milhões de contas empresariais são visitadas diariamente no Instagram.

instagram-shop-audience-overviewFonte: Hootsuite

Conclusão e recomendações

O mundo digital muda rápido e as redes sociais estão suscetíveis a essas mudanças. Há alguns anos, o Instagram se tornou uma das plataformas mais usadas e atualmente é o local onde a maioria dos anunciantes apostam suas fichas. No entanto, todo ano novas redes sociais são criadas e, às vezes, algumas monopolizam a atenção dos usuários causando uma mudança na porcentagem de pessoas que usam o aplicativo (como foi o caso do Snapchat).

Portanto, embora o Instagram seja atualmente uma das melhores plataformas para fazer publicidade online, mas devemos estar sempre atentos às mudanças do público ativo (idade, sexo, interesses) para garantir que nosso público-alvo esteja na rede social em que investimos.

Quanto ao preço das campanhas no Instagram Ads, é importante levar em conta os fatores antes mencionados:

  • Escolher uma rede social adequada.

  • Criar uma boa segmentação.

  • Realizar testes e ajustar para otimizar as campanhas.

  • Escolher o objetivo que melhor se ajuste às suas necessidades.

E, definitivamente, aproveitar os diferentes formatos e funcionalidades que podem impactar diretamente o funcionamento dos anúncios no Instagram e, consequentemente, no preço. E você, quanto investe com publicidade no Instagram? Suas campanhas são lucrativas nesta plataforma? Você está pronto para dar o próximo passo?

CTA - Post - Vertical- Desktop

Publicado em 19 de julho de 2022.

Revisado e validado por Jalusa Lopes, Country Manager da InboundCycle Brasil.

Fuentes

  1. Facebook - Facebook Ads guide

  2. revealbot - Facebook Advertising Costs by CPM

  3. Facebook - Add an Instagram account to your Business Manager

  4. We Are Social - Digital 2022 Global Overview Report

FAQ sobre anúncio no Instagram (Instagram Ads)

  • Qual o valor do anúncio no Instagram?

    O valor do investimento para um anúncio no Instagram depende do seu orçamento e diferentes fatores podem influenciar no preço das campanhas. Somente após ativar a campanha saberá quanto custa para atingir o objetivo definido.

    Por exemplo, se o objetivo do seu anúncio é direcionar o tráfego para uma página do site, você terá que dividir o custo da campanha pelo número de visitas obtidas em sua página durante a campanha. Caso o seu objetivo seja conseguir downloads de um conteúdo, terá que dividir o custo da campanha pelo número de downloads. Dessa forma, você saberá qual é o custo médio para atingir seus objetivos.

    Outras das métricas mais utilizadas são o custo por clique (CPC), custo por mil (CPM) ou custo por lead (CPL), entre outras.

    De acordo com uma pesquisa realizada pela Revealbot, o custo médio da publicidade no Instagram é:

    • $ 10,19 CPM (custo por mil impressões)
    • $ 8,74 CPL (custo por lead)
    • $ 1,38 CPC (custo por clique)
  • Por que investir em anúncios no Instagram?

    Alguns dos benefícios oferecidos pelo Instagram Ads são:

    • Alcançar seus futuros clientes no mesmo meio em que eles interagem com amigos e influenciadores.
    • Impactar o seu público-alvo por meio das várias possibilidades visuais que oferece.
    • Alcançar os usuários interessados nos seus produtos/serviços.
    • Melhorar a imagem e a divulgação dos valores da sua marca.
    • Aumentar o seu número de seguidores e criar uma comunidade em torno da sua marca.
    • A plataforma está em constante evolução.
    • Não exige um investimento inicial alto. Você pode obter resultados pagando a partir de US$ 10.
    • Lançar simultaneamente campanhas no Facebook e Instagram.
    • Coletar dados na plataforma.
    • Aproveitar a audiência, do Instagram e do Facebook, para segmentar e otimizar campanhas bem categorizadas.
    • Utilizar critérios avançados de segmentação, como idade, sexo, localização, cargo, interesses, etc, para chegar ao perfil correto. Por sua vez, o
    • Facebook Pixel permite criar públicos semelhantes ou lookalike e impactar pessoas que já interagiram com o site ou com o concorrente.
    • É uma das plataformas com maior engajamento.

Outros artigos que podem te interessar...

Google Ads e inbound marketing: são complementares?

O que você acha? Deixe um comentário!