O que é um influenciador digital? Conceito e uso no marketing digital

O que é um influenciador digital?

Ao descrever o que é um influenciador digital, definimos alguém que:

  • Tem credibilidade em um determinado tópico;
  • Influencia as decisões de outras pessoas com base em sua autoridade, conhecimento e posição social;
  • Tem um número significativo de admiradores que o seguem e que os motiva graças a uma relação construída ao longo do tempo.

O que é um influenciador digital nas redes sociais?

Um influenciador é uma pessoa que, de alguma forma, conseguiu se destacar nos canais digitais, em especial nas redes sociais. Isso inclui Facebook e Instagram, e plataformas de vídeo, como o YouTube.

Essa pessoa construiu sua reputação graças à expertise em um tema específico, publicando conteúdo sobre seu estilo de vida. Nas redes, criou um personagem de grande sucesso e que é acompanhado por muitas pessoas de forma assídua.

Influenciar como estratégia de marketing

Obviamente, um influenciador digital que possui um exército de seguidores leais atrai muitas outras pessoas. Isso causa um efeito “bola de neve” e é uma mina de ouro na hora de divulgar um produto pois aumenta o alcance.

Por esse motivo, muitos anunciantes estão em busca de influenciadores para usar seu gancho e poder midiático na promoção da marca.

Podemos definir o que é influenciador digital como um amigo ao qual você pede conselhos na hora de comprar — porém em grande escala. Esses autênticos protagonistas da internet têm um grande poder de atração e convicção nas redes e plataformas sociais.

Como escolher um influenciador digital?

Antes de mais nada, é importante ter em mente que nem todos os influenciadores se encaixam no perfil desejado ou na estratégia de marketing. Por isso, antes de fazer qualquer seleção, defina detalhadamente quais são os objetivos da estratégia (assim como os da sua marca) e leve em consideração aspectos como:

  • Valores;
  • Personalidade (que deve ser compatível com a da marca);
  • Tom de voz;
  • Estilo de comunicação;
  • Interesses;
  • Se já conhece a marca, produto ou serviço.

Para além desses pontos, existem outros aspetos mais técnicos que devem ser levados em consideração. Use ferramentas ou softwares para fazer uma análise mais detalhada sobre:

  • Como o público reage: analisando a taxa de engajamento da sua conta. Aqui você pode ver curtidas, comentários, horários em que o conteúdo foi compartilhado e quando o conteúdo foi salvo.
  • Qualidade dos seguidores: tem mais peso sobre a quantidade. É muito comum encontrar um perfil com muitos seguidores, mas o mais importante é saber quantos são reais.
  • Alcance das postagens: quantas pessoas o influenciador alcança, em média, com cada postagem.

Essas recomendações exigem mais tempo pesquisando os perfis disponíveis, mas certamente ajudarão sua estratégia de marketing a ter o sucesso esperado.

Tipos de influenciadores e como identificá-los

Existem diferentes tipos de influenciadores que se dividem em três grandes grupos, a depender do número de seguidores, do tipo de conteúdo postado e do nível de influência que têm. Apresentamos aqui cada um deles:

Por número de seguidores

Dentro deste grupo estão os seguintes perfis:

  • Mega-influenciadores
    São aqueles que possuem mais de um milhão de seguidores em suas redes sociais. Muitos perfis de mega-influenciadores também são celebridades no mundo offline: músicos, atletas, políticos, personalidades da TV ou do cinema. Um exemplo de mega-influenciador é o jogador de futebol Cristiano Ronaldo, que tem mais de 400 milhões de seguidores no Instagram.
  • Macro influenciadores
    São aqueles perfis que estão apenas um degrau abaixo dos mega-influenciadores, com um número de seguidores entre 500.000 e 1 milhão. São pessoas menos famosas do que mega-influenciadores e, portanto, são mais acessíveis. Um exemplo de macro-influenciador é o Caio Travels (Caio Ramon), influenciador que produz conteúdo sobre viagens e tem mais de 800 mil seguidores no Instagram.
  • Intermediários
    São aqueles perfis que possuem entre 100 mil e 500 mil seguidores em suas redes sociais. Normalmente, correspondem a especialistas em um assunto. Um exemplo de influenciador de nível intermediário é Lucas Pinhel, um fotógrafo e diretor criativo que fala sobre edição de vídeos e fotos, com 350 mil inscritos no Instagram.
  • Micro-influenciadores
    São perfis que possuem um número menor de seguidores, entre 10 mil e 100 mil. Muitas vezes, são pessoas especializadas em nichos de mercado, que podem não ter tanto alcance, mas possuem muita influência sobre seus seguidores. Um exemplo de microinfluenciador é a Beatriz Siqueira que publica sobre sua rotina, moda e alimentação saudável, com mais de 70 mil seguidores no Instagram.
  • Nano-influenciadores
    É o mais novo grupo identificado: pessoas que têm um número pequeno de seguidores, entre 1.000 e 10 mil. Tendem a ser perfis recentemente em alta demanda por marcas, já que visam nichos de público muito específicos. Como exemplo de nano-influenciadora, apresentamos o Tô de Folga, da May Emílio e do Jaka, que compartilha dicas sobre acompanhamento seu público de 9.000 seguidores no Instagram.

Nueva llamada a la acción

Por tipos de conteúdo

  • Vlog
    São conteúdos em vídeos sobre seu dia a dia, para mostrá-lo aos seus seguidores por meio de plataformas como YouTube ou Vimeo. A Viih Tube é exemplo de influenciadora que aposta nos vlogs em seu canal do Youtube com mais de 11 milhões de seguidores.
  • Podcasters
    Oferece conteúdos em formato de áudio através de plataformas como Spotify ou Apple Podcast. Um exemplo é a jornalista e roteirista Camila Fremder que apresenta o podcast É Nóia Minha?.
  • Gamers
    É um dos tipos mais populares de influenciadores da atualidade, que fazem transmissões ao vivo enquanto jogam videogame. Essas pessoas se conectam com seus seguidores por meio de plataformas de streaming, como o Twitch. É o caso do Coisa de Nerd com mais de 11 milhões de seguidores no Youtube.
  • Usuários de redes sociais
    Embora os influenciadores possam ser muito diferentes uns dos outros, todos eles têm algo em comum: a diversificação de seus canais, com o uso de várias plataformas para promover seus conteúdos. Por exemplo, alguns YouTubers compartilham no Instagram a postagem de novos conteúdos e colocam o link para o Youtube. Eles também podem usar plataformas como Facebook ou Twitter.

Por nível de influência

  • Celebridades
    Eles são os primeiros influenciadores já que ficaram famosos no ambiente offline e depois migraram para as redes sociais. Graças à sua fama e visibilidade, eles têm grandes comunidades de fãs nas redes sociais, como a Anitta com mais de 63 milhões de seguidores
  • Líderes de opinião
    São pessoas já posicionadas como especialistas em um tema específico, por isso sua opinião é altamente relevante para o setor ao qual pertencem. Dentro deste grupo podemos encontrar: jornalistas, professores ou acadêmicos, líderes da indústria, entre outros. É o caso do economista Ricardo Amorim, considerado um dos perfis mais influentes no LinkedIn.

Uso e eficácia do marketing de influência

Essas estratégias ainda são muito novas, por isso ainda é cedo para poder demonstrar quantitativamente sua eficácia. No entanto, a maioria das marcas as considera eficazes e rentáveis, logo consideram aumentar seus investimentos e esforços em campanhas desse estilo.

Questões éticas do marketing de influência 

O marketing de influência pode entrar em conflito com a ética e o profissionalismo por um motivo: a falta e comunicação sobre conteúdo pago. Muitas vezes, os influenciadores fazem comentários positivos sobre um produto ou usam roupas de uma marca de uma maneira que parece espontânea.

O problema é que parece, mas não é. Em troca dessas postagens, eles recebem diretamente uma contrapartida econômica ou um benefício mais indireto, como produtos gratuitos ou descontos significativos.

CTA - Post - Vertical- Desktop

Publicado em 09 de setembro de 2022.

Revisado e validado por Jalusa Lopes, Country Manager da InboundCycle Brasil.

FAQ sobre influenciador digital

  • O que é um influenciador digital?

    É uma pessoa que, de alguma forma, conseguiu se destacar nos canais digitais, em especial nas redes sociais. Isso inclui Facebook e Instagram, e plataformas de vídeo, como o YouTube.

  • Como escolher um influenciador digital?

    Primeiramente, verificar o perfil desejado ou estratégia de marketing, considerar os aspectos como

    • Valores;
    • Personalidade (que deve ser compatível com a da marca);
    • Tom de voz;
    • Estilo de comunicação;
    • Interesses;
    • Se já conhece a marca, produto ou serviço.
  • O que é um influenciador digital e seu papel ético?

    O marketing de influência pode entrar em conflito com a ética e o profissionalismo por um motivo: a falta de comunicação sobre conteúdo pago. Muitas vezes, os influenciadores fazem comentários positivos sobre um produto ou usam roupas de uma marca de uma maneira que parece espontânea.

    O problema é que parece, mas não é. Em troca dessas postagens, eles recebem diretamente uma contrapartida econômica ou um benefício mais indireto, como produtos gratuitos ou descontos significativos.

  • Tipos de influenciadores e como identificá-los

    Existem diferentes tipos de influenciadores que se dividem em três grandes grupos, a depender do número de seguidores, do tipo de conteúdo postado e do nível de influência que têm: por número de seguidores,  tipos de conteúdo, nível de influência.